Porto Alegre, domingo, 26 de Outubro de 2014

  • 26/03/2014
  • 14:32
  • Atualização: 14:40

Deputados querem novas explicações sobre Petrobras

Parlamentares vão pedir ao ministério informações sobre os sócios belgas da estatal

  • Comentários
  • Agência Brasil

Deputados se dedicaram, na manhã desta quarta-feira, a votar nova série de convites a autoridades do governo. As recentes denúncias envolvendo a Petrobras e o repasse de recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e da Caixa Econômica Federal (CEF) para o Congresso Nacional do Movimento dos Sem Terra dominaram os requerimentos que estavam concentrados, principalmente, na pauta da Comissão de Fiscalização Financeira e Controle (CFFC).

Depois de aprovar convites ao ministro Guido Mantega (Fazenda) e ao ex-diretor da área internacional da Petrobras, Nestor Cerveró, o colegiado decidiu retirar o requerimento para ouvir o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão. Ainda assim, os parlamentares decidiram que vão pedir ao ministério informações sobre os sócios belgas da estatal que participaram da aquisição da refinaria de Pasadena, no Texas.

Partindo para a apuração de informações de outras áreas, a comissão também aprovou convite ao presidente do BNDES, Luciano Coutinho. A ideia é questionar Coutinho sobre negócios do banco, como o repasse de dinheiro para o MST e o empréstimo concedido à construtora Odebrecht para obras do Porto Mariel, em Cuba.

A ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior, também foi incluída no rol dos que vão falar sobre obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Mantega e Cerveró também estavam na lista de outras comissões. A de Relações Exteriores decidiu suspender a sessão em que o ex-diretor iria comparecer, enquanto a Comissão de Agricultura retirou o requerimento para o ministro explicar o dinheiro repassado para o evento do MST em Brasília.

Na Comissão de Minas e Energia, os deputados não conseguiram votar o item que previa um convite ao ex-diretor da Petrobras e retiraram o requerimento para solicitar audiência sobre as operações, negociações e contratos assinados entre a Petrobras e a empresa SBM Offshore.

Os parlamentares que cuidam da área energética limitaram-se a formular convites para que o presidente da Eletrobrás, José da Costa Carvalho Neto, e representantes da estatal e de outras empresas do setor comparecessem para explicar o cancelamento de convênios relacionados ao Programa Luz Para Todos.

Bookmark and Share