Porto Alegre, segunda-feira, 22 de Dezembro de 2014

  • 09/04/2014
  • 16:17
  • Atualização: 17:18

Caxias do Sul pode ter quatro posses de prefeito em uma semana

Vice Antônio Feldmann não quer assumir cargo para não ficar impedido de concorrer a deputado federal

  • Comentários
  • Gabriel Jacobsen / Rádio Guaíba

A Prefeitura de Caxias do Sul, na Serra gaúcha, espera uma intimação judicial ordenando que o presidente da Câmara de Vereadores reassuma o Executivo local. Até esta quinta-feira, durante o período de uma semana, quatro posses devem ocorrer no comando do município.

O prefeito Alceu Barbosa Velho entrou em férias na última quarta-feira. O presidente da Câmara, Gustavo Toigo, assumiu (1ª posse) porque o vice-prefeito Antônio Feldmann se negou a ficar à frente do Executivo. Ele quer disputar uma vaga na Câmara dos Deputados e, pela lei, fica impedido de concorrer se assumir o município no período de seis meses antes da eleição. A pedido da oposição na Câmara, o vereador foi obrigado a dar lugar ao vice, que manteve a posição de não assumir. O cargo foi ocupado (2ª posse), então, pelo procurador-geral do município, Victório Giordano da Costa.

Uma nova decisão judicial, da noite dessa terça-feira estabelece que Toigo reassuma o comando (3ª posse), o que deve ocorrer a qualquer momento. Nesta quinta pela manhã, o prefeito Barbosa Velho retorna (4ª posse) das férias e reassume o comando. Ele interrompeu o período de descanso, em Cancún, no México, para colocar fim ao impasse.

Bookmark and Share