Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
16ºC
Amanhã
15º


Faça sua Busca


Notícias > Polícia

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

25/04/2014 13:31 - Atualizado em 25/04/2014 19:55

Bernardo já estava morto ao ser enterrado, atesta IGP

Análise dos pulmões e traqueia do menino não mostra terra nos órgãos

A Polícia Civil confirmou nesta sexta que o Instituto Geral de Perícias (IGP) enviou para a delegacia da Polícia Civil de Três Passos um laudo da análise dos pulmões e da traqueia de Bernardo Boldrini. O documento aponta que não foi encontrado vestígio de terra nestes órgão e que, portanto, o menino já estava morto ao ser enterrado em uma cova, em Frederico Westphalen. 

• Leia mais sobre o caso Bernardo Boldrini

A titular da Delegacia de Polícia de Três Passos, Caroline Bamberg Machado, responsável pela investigação do caso, disse na tarde de quarta-feira que 80% do inquérito do caso está concluído. Ela ainda reiterou a certeza de participação dos três suspeitos presos no assassinato do menino, o pai da vítima, Leandro Boldrini; a madrasta, Graciele Ugulini; e a amiga do casal, Edelvania Wirganovicz.

Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.