Correio do Povo

Porto Alegre, 30 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
24ºC
Amanhã
14º 26º


Faça sua Busca


Notícias > Internacional

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

27/04/2014 13:04 - Atualizado em 27/04/2014 13:13

África do Sul comemora 20 anos de democracia e da primeira eleição inter-racial

Celebração vai contar com concertos, serviços religiosos, entre outros

O presidente da África do Sul, Jacob Zuma, assegurou neste domingo que nos seus primeiros 20 anos de democracia, o país converteu-se num “lugar muito melhor para se viver”. A África do Sul festeja hoje o seu “Dia da Liberdade”, que celebra as suas primeiras eleições multirraciais, que levaram Nelson Mandela, o líder do Congresso Nacional Africano (CNA), a ser o primeiro presidente negro da história do país.

Num ato de Estado, celebrado na sede do Governo em Pretória, Zuma apelou aos seus concidadãos a votar nas eleições gerais no próximo dia 07 de maio, para “consolidar a democracia e todas as conquistas” da nação. “Trabalhamos juntos nos últimos 20 anos e, nos últimos cinco – que correspondem ao mandato de Zuma –, temos feito da África do Sul um lugar muito melhor para se viver”, sublinhou.

O presidente elogiou o bom trabalho dos sul-africanos na defesa dos direitos humanos, na melhoria das suas necessidades básicas, no crescimento da economia, na luta contra o crime e a corrupção e na construção de uma “África melhor e um mundo melhor”. “Nós temo-nos aproximado do nosso sonho de uma África do Sul unida, não racial, não sexista, democrática e próspera”, afirmou.

Zuma sublinhou o sucesso da África do Sul no processo de “curar as feridas” de um passado “brutal”. “Passo a passo, estamos a construir uma África do Sul em que muitos lutaram por esta liberdade”, entre eles, o líder da luta contra o Apartheid, Nelson Mandela, que morreu a 05 de dezembro.

O presidente reconheceu, no entanto, que a África do Sul tem muito “caminho para andar” na erradicação da pobreza, da desigualdade e do desemprego. “Na próxima década de liberdade, temos que avançar na transformação econômica”, disse Zuma.

Bookmark and Share


Fonte: Agência Brasil






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.