Porto Alegre, quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

  • 28/04/2014
  • 18:31
  • Atualização: 14:05

Preso suspeito de envolvimento na morte de publicitário

Outro investigado foi executado nesse domingo no bairro Restinga

  • Comentários
  • Camila Kila/Rádio Guaíba

A Polícia Civil prendeu na tarde desta segunda-feira um suspeito de envolvimento na morte do publicitário Lairson José Kunzler, de 68 anos, ocorrida em fim de fevereiro, em Porto Alegre. O homem é proprietário do Renault Scénic usado no crime. Os assaltantes também utilizaram uma moto para seguir a vítima. O preso está sendo ouvido na 6ª Delegacia de Polícia, pela equipe da delegada Áurea Regina Hoppel.

Nesse domingo, outro suspeito na morte de Kunzler foi executado. Um homem, de 26 anos, foi atingido por cinco tiros próximo à Estrada Edgar Pires de Castro. Ele possuía antecedentes por roubo, lesões e ameaça.

Um homem que se disse cúmplice dele em crimes conhecidos como "saidinhas de banco" foi preso hoje no bairro Ponta Grossa, na Capital. Ele teve a prisão temporária decretada em função de um assalto cometido, na avenida Protásio Alves, na terça-feira passada. A delegada explicou que não há comprovação do envolvimento desse preso com a morte do publicitário e, por isso, ele não vai ser incluído no inquérito.

A polícia espera o resultado de perícias para comprovar quem foi o autor dos disparos contra Kunzler. Ele foi atingido ao chegar em casa, no bairro Cavalhada, em 24 de fevereiro. Ele havia sido seguido pelos assaltantes, após retirar cerca de R$ 40 mil de uma agência bancária no Moinhos de Vento. Os suspeitos conseguiram roubar o malote e fugir. Um homem chegou a ser preso por suposto envolvimento no crime, mas apresentou álibi e foi liberado pela Justiça.


Bookmark and Share