Porto Alegre, domingo, 23 de Novembro de 2014

  • 29/04/2014
  • 17:41
  • Atualização: 17:54

Juiz nega parentesco com envolvidos no processo do menino Bernardo

Magistrado de Três Passos divulgou nota na tarde desta terça

  • Comentários
  • Correio do Povo

O juiz Fernando Vieira dos Santos, da Vara da Infância e da Juventude do Fórum de Três Passos, no Noroeste do Estado, divulgou na tarde desta terça uma nota onde nega qualquer grau parentesco dele ou da sua esposa, Gislaine Lunardi dos Santos, escrivã da 1ª Vara do Fórum de Três Passos, com os envolvidos no processo do menino Bernardo, encontrado morto na noite do dia 14 de abril, no interior de Frederico Westphalen, no Norte gaúcho.

Leia mais sobre o caso Bernado Boldrini

Segundo o ouvidor da Assembleia Legislativa (AL) gaúcha, deputado Marlon Santos, Gislaine Lunardi dos Santos e Fernando seriam amigos do casal Leandro Boldrini e Graciele Ugulini, suspeitos do crime. Ainda conforme o deputado, a esposa do juiz seria irmã da mulher de Paulo Boldrini, irmão de Leandro Boldrini, pai de Bernardo.

Santos alegou que ele nem a esposa sequer conhecem os parentes do menino Bernardo, não existindo nenhum tipo de vínculo ou relacionamento.

Bookmark and Share