Porto Alegre, quarta-feira, 26 de Novembro de 2014

  • 06/05/2014
  • 12:12
  • Atualização: 12:21

Chefes de redação do jornal francês Le Monde renunciam

Sete profissionais deixaram suas funções por "ausência de confiança" na direção do jornal

  • Comentários
  • AFP

Sete chefes de redação do jornal francês Le Monde anunciaram nesta terça-feira que renunciaram coletivamente as suas funções para protestar contra a direção do jornal. "Uma ausência de confiança e de comunicação com a direção da redação nos impede de cumprir com nossas funções", escreveram os funcionários em uma mensagem interna enviada a Natalie Nougayrède, diretora do Le Monde, e a Louis Dreyfus, presidente da direção do jornal.

"Tentamos fornecer soluções, sem sucesso. Hoje constatamos que não estamos em condições de realizar as tarefas que nos foram confiadas, e por isso renunciamos aos nossos respectivos cargos", escrevem François Bougon, Vincent Fagot, Julien Laroche Joubert, Damien Leloup, Cécile Prieur, Françoise Tovo e Nabil Wakim.

O Le Monde atravessa uma crise há vários meses devido a um plano da direção do principal jornal francês para desenvolver a área digital, segundo os sindicatos às custas da cobertura de setores como meio ambiente ou os conflitos sociais.


Bookmark and Share