Correio do Povo

Porto Alegre, 28 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
6ºC
Amanhã
10º 21º


Faça sua Busca


Notícias > Internacional

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

10/05/2014 09:06 - Atualizado em 10/05/2014 09:15

Terremoto de 6 graus sacode Cidade do México

Tremor levou algumas pessoas para as ruas da capital do país

Com medo, turistas deixaram hoteis e saíram às ruas<br /><b>Crédito: </b> Alfredo Estrella / AFP / CP
Com medo, turistas deixaram hoteis e saíram às ruas
Crédito: Alfredo Estrella / AFP / CP
Com medo, turistas deixaram hoteis e saíram às ruas
Crédito: Alfredo Estrella / AFP / CP

Um forte e prolongado terremoto de 6 graus de magnitude sacudiu durante a madrugada de sábado a Cidade do México, capital do país, dois dias após um tremor similar. "Até o momento não temos notícias de danos em nenhum estado", afirmou o coordenador nacional da Proteção Civil, Luis Felipe Puente. De acordo com ele, o fenômeno foi um tremor secundário do terremoto de 8 de maio, que atingiu 6,4 graus e provocou o desabamento de uma ponte.

O terremoto deste sábado aconteceu às 2h36min (4h36min de Brasília), a uma profundidade de 35 quilômetros, com epicentro sete quilômetros ao oeste de Tecpan, um município do estado de Guerrero na costa do Pacífico, segundo o Centro Geológico dos Estados Unidos (USGS), que monitora os tremores em todo o planeta. Mas o Centro Sismológico Nacional do México calculou o tremor em 5,9 graus de magnitude, a uma profundidade de 10 quilômetros.

O terremoto levou algumas pessoas para as ruas na capital do país, preocupadas com as consequências. Mas desta vez a energia elétrica não foi cortada na cidade. Tecpan, uma cidade de 62 mil  habitantes que fica a 490 quilômetros ao sul da Cidade do México, também foi o município mais próximo do epicentro do tremor de quinta-feira e do terremoto de 18 de abril, que teve magnitude de 7,2 graus.

O território mexicano se encontra dividido entre cinco placas tectônicas e registra um dos maiores índices de atividade sísmica no mundo. Em 19 de setembro de 1985, um terremoto de 8,1 graus destruiu parte da Cidade do México e deixou 3,7 mil mortos, segundo os números oficiais, mas organizações civis calculam mais de 20 mil vítimas fatais.

Bookmark and Share


Fonte: AFP






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.