Correio do Povo

Porto Alegre, 24 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
19ºC
Amanhã
16º 21º


Faça sua Busca


Notícias > Internacional

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

12/05/2014 17:13 - Atualizado em 12/05/2014 17:24

Nasa registra derretimento acelerado na Antártida

Cientistas acreditam que o nível do mar suba entre 1,2 metro a 3,6 metros

Pesquisa analisou 40 anos de dados do solo, imagens feitas por aviões e de satélites<br /><b>Crédito: </b> NASA / AFP
Pesquisa analisou 40 anos de dados do solo, imagens feitas por aviões e de satélites
Crédito: NASA / AFP
Pesquisa analisou 40 anos de dados do solo, imagens feitas por aviões e de satélites
Crédito: NASA / AFP

Novos estudos da Agência Espacial Norte-Americana (Nasa) e da Universidade da Califórnia registraram um derretimento acelerado de uma grande camada de gelo da Antártida Ocidental. Segundo os pesquisadores, isso elevará o nível do mar em 1,2 metro a 3,6 metros daqui a algumas centenas de anos.

A pesquisa analisou 40 anos de dados do solo, imagens feitas por aviões e de satélites sobre o que os cientistas chamam de "o ponto fraco da Antártida Ocidental", ou seja, um  derretimento mais rápido do que o previsto.

É provável que isso ocorra em função do aquecimento global e do buraco na camada de ozônio, que alteraram os ventos da Antártida e aqueceram a água que corrói as bases do gelo, declararam os pesquisadores em entrevista na Nasa nesta segunda-feira.

Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.