Correio do Povo

Porto Alegre, 26 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
13ºC
Amanhã
18º


Faça sua Busca


Notícias > Geral

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

16/05/2014 00:30 - Atualizado em 16/05/2014 00:31

Tempo firma na maior parte do RS nesta sexta-feira

Metades Norte e Leste podem ter chuva localizada, mas sol aparece ao longo do dia

O tempo melhora e firma em grande parte do Rio Grande do Sul nesta sexta-feira, depois da instabilidade associada a uma frente fria que causou transtornos nessa quinta. O sol aparece com nuvens durante o dia na maioria das regiões, mas pontos das Metades Norte e Leste ainda devem registrar períodos de maior nebulosidade, não se descartando chuva e garoa localizada.

Mesmo nestas áreas, contudo, o sol aparece. O amanhecer é mais frio no Sul e na fronteira com o Uruguai, onde o tempo abriu primeiro nessa quinta. Há possibilidade de nevoeiro em cidades do Centro, Oeste e Sul ao amanhecer.

As mínimas devem alcançar 8°C em Santana do Livramento, mas o frio é menos intenso que no começo da semana pela manhã. As máximas, por sua vez, devem alcançar 24°C em Santa Rosa e Uruguaiana. Em Porto Alegre, os termômetros variam entre 16°C e 22°C.

Depois de uma longa sequência de dias com tempo bom ou instabilidade muito fraca, o deslocamento de uma frente fria numa massa de ar quente provocou chuva localmente forte e temporais no Rio Grande do Sul. Caiu granizo em várias cidades do interior, como Encruzilhada do Sul, Gramado, Bento Gonçalves, Arroio do Meio e Encantado.

A forte instabilidade alcançou a Região Metropolitana no fim da tarde. Houve registro de granizo em Canoas, Sapucaia do Sul e Cachoeirinha. O radar meteorológico indicava às 18h uma forte célula de instabilidade, condizente com granizo, exatamente em Canoas. Porto Alegre teve menos de 10 mm na maioria dos bairros, mas a chuva contribuiu para deixar o trânsito ainda mais complicado e houve falta de luz em alguns bairros.

Em Rio Pardo, a chuva foi torrencial com 25 mm em só uma hora e veio com vento de 97 km/h. Bento Gonçalves teve rajadas de 100,4 km/h. A chuva veio ainda acompanhada de raios. Na freeway, o condutor de uma moto foi atingido por descarga elétrica e morreu.


Bookmark and Share


Fonte: Metsul






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.