Porto Alegre, sábado, 29 de Novembro de 2014

  • 19/05/2014
  • 16:06
  • Atualização: 16:07

Operadoras de telefonia móvel prometem cumprir demanda do Beira-Rio durante a Copa

Melhorias de sinal no restante da cidade dependem de alteração da legislação, defendem empresas do setor

Operadoras de telefonia móvel prometem cumprir demanda do Beira-Rio durante a Copa | Foto: Alexandre Lops / Inter / CP

Operadoras de telefonia móvel prometem cumprir demanda do Beira-Rio durante a Copa | Foto: Alexandre Lops / Inter / CP

  • Comentários
  • Gabriel Jacobsen / Rádio Guaíba

As operadoras de telefonia móvel participaram de reunião na manhã desta segunda-feira na Assembleia Legislativa para tratar da qualidade dos serviços no Beira-Rio durante a Copa do Mundo. Faltando 27 dias para o primeiro jogo na Capital, as empresas se comprometeram a oferecer sinal de qualidade e cobertura 4G tanto dentro quanto no entorno do estádio. Em até uma semana, o trabalho deve ser concluído.

Para isso, 241 antenas estão sendo instaladas em diversas partes do Beira-Rio ao custo de R$ 200 milhões, segundo as empresas. A medida é tomada em todos os 16 estádios das 12 cidades-sede onde ocorrem jogos da Copa através de uma parceria entre as operadoras. Cada uma delas ficou responsável por cobrir algumas arenas com sinal para todas as outras.

Já as melhorias no restante de Porto Alegre, segundo o diretor do Sinditelebrasil, José Américo, dependem de flexibilização das leis para instalação de antenas, o que deve ocorrer nas próximas semanas na Câmara de Vereadores de Porto Alegre. Com isso, ele estima que a população deva sentir melhoras no próximo ano. Hoje, porém, uma decisão judicial determinou que uma audiência pública seja realizada antes de a lei ser alterada. O prazo mínimo é de 20 dias para que a população seja convocada.

O gerente regional da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) no Rio Grande do Sul, também destacou que o principal entrave para a melhoria dos serviços é a instalação de antenas. Ele defende que a Anatel cumpre o papel de fiscalizar e multar as empresas que não cumprem com as regras mínimas de qualidade dos serviços.

As antenas do entorno do Beira-Rio serão removidas após o fim da Copa. Entretanto, o sistema instalado dentro do local permanecerá como benefício aos usuários do estádio. Também está havendo reforço de antenas nas proximidades do Parque Harmonia, onde vai ocorrer a Fan Fest, e em locais de grande visitação como o Parque da Redenção.

Bookmark and Share