Porto Alegre, quarta-feira, 26 de Novembro de 2014

  • 20/05/2014
  • 13:13
  • Atualização: 13:22

Assembleia suspende atividades devido à morte do ex-deputado Jair Foscarini

Lei Kiss e vetos do governador terão votação adiada

Votação foi suspensa nesta terça-feira na Assembleia | Foto: Galileu Oldenburg / Agência ALRS / CP

Votação foi suspensa nesta terça-feira na Assembleia | Foto: Galileu Oldenburg / Agência ALRS / CP

  • Comentários
  • Gabriel Jacobsen / Rádio Guaíba

A Mesa Diretora da Assembleia Legislativa gaúcha decidiu suspender todas as atividades da Casa na tarde desta terça-feira, incluindo a votação em Plenário, por conta do morte do ex-deputado Jair Foscarini (PMDB). Com isso, não haverá votação em Plenário.

Entre as 23 matérias que poderiam ser votadas nesta tarde, está o projeto que altera a chamada Lei Kiss e quatro vetos do governador, dos quais três tratam de aumentos e gratificações a servidores. Com a suspensão das atividades, que já trancam a pauta do Legislativo, a votação dos projetos ocorrerá somente na próxima terça-feira.

Carreira de Jair Foscarini na política

O corpo de Jair Foscarini será velado na Câmara Municipal de Novo Hamburgo, onde o ex-deputado iniciou sua carreira política como vereador.

O ex-deputado era engenheiro químico de formação e iniciou sua atividade política como vereador em Novo Hamburgo, tendo sido ainda secretário de Planejamento, prefeito do município e secretário estadual de Transportes no governo Germano Rigotto.

O pemedebista foi eleito deputado em três legislaturas: 49ª (1995-1999), com 23.340 votos; 50ª (1999-2003), com 27.352 votos; e 51ª (2003-2007), com 37.444 votos. Em março de 2005 renunciou ao mandato para assumir a prefeitura de Novo Hamburgo, após realização de um segundo pleito no município.

Entre os diversos projetos de lei encaminhados pelo ex-deputado, destacam-se os que estabelecem normas para a entrada em vigor de leis que alteram índices de participação dos municípios na arrecadação de tributos estaduais. Como defensor dos interesses do setor coureiro-calçadista, acompanhou empresários e dirigentes de entidades setoriais em audiências junto a ministérios, secretarias e bancos de fomento.

Bookmark and Share