Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
18ºC
Amanhã
15º


Faça sua Busca


Notícias > Geral

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

28/05/2014 12:15 - Atualizado em 28/05/2014 12:40

Mazzaropi e Mosiah Rodrigues lutam esgrima no Dia do Desafio

Ex-jogador do Grêmio e ginasta participaram de atividade paralímpica

Mazzarropi luta esgrima no Dia do Desafio
Crédito: André Ávila

Com a participação de 497 cidades gaúchas, o Dia do Desafio mobilizou milhares de pessoas nesta quarta-feira. Além da corrida noturna, que percorreu a Orla do Guaíba, com largada na Usina do Gasômetro até o Estádio Beira-Rio, ocorreu o Desafio da Diversidade em Porto Alegre. O ginasta Mosiah Rodrigues e o ex-jogador do Grêmio Mazzaropi lutaram esgrima, com a orientação de um esgrimista paralímpico Maurício Stempniak, no Centro Estadual de Treinamento Esportivo (Cete).

Ambos puderam vivenciar a prática do esporte do ponto de vista de quem tem limitação física. “É muito diferente do que a gente faz. Sempre tive curiosidade”, declarou Moziah. Já Mazzaropi afirmou que qualquer tipo de exercício é importante para a interação do público e aproximação das pessoas.Stempniak, que perdeu o movimento das pernas após um acidente em 2000, já pratica esgrima há dez anos e se tornou monitor do Cete, auxiliando atletas com dificuldades semelhantes. A outra instrutora, Daiane Peron, 28 anos, teve uma das mãos e os pés amputados ainda criança. O esporte mudou sua vida. “Traz outra visão do mundo”, salientou.

Até a secretária adjunta do Esporte e do Lazer, Tania Antunes, experimentou uma modalidade diferente. Junto com outras mulheres, praticou o Krav Maga. “Esse tipo de atividade provoca e estimula a gente a sair do sedentarismo”, declarou. Ela disse que o governo do Estado ajudou a mobilizar as prefeituras e comemorou que, pela primeira vez, 100% das cidades participaram do evento.

“O tempo favoreceu a prática na rua. Neste dia, plantamos uma sementinha e é uma forma de descontrair e sair da rotina, porque traz um benefício físico e psicológico”, disse a coordenadora estadual do evento, organizado pelo Sistema Fecomércio/RS e Sesc/RS, Melissa Stoffel. Ela observou que boa parte dos participantes das outras edições seguiu fazendo alguma modalidade. O objetivo das atividades, que iniciaram ainda de madrugada, era conscientizar a população para a importância dos exercícios para a qualidade de vida e para a saúde.

Na Praça Farroupilha, localizada entre o Mercado Público e a estação da Trensurb, foi realizada a Arena do Desafio, com recreação organizada por monitores, como o chute a gol, a corrida, cama elástica, basquete, a guerra de cotonete e a pirâmide de escalada. No Parque da Farroupilha, a Redenção, uma programação especial para os idosos foi desenvolvida para estimular o bem-estar.

Realizado simultaneamente em diversos países, o evento estimula a prática de atividades físicas, numa disputa entre cidades com a mesma população, sempre na última quarta-feira do mês de maio. O município que mobiliza mais pessoas em relação ao número oficial de habitantes vence. A proposta é que as pessoas interrompam suas atividades rotineiras e façam, ao menos 15 minutos consecutivos, qualquer tipo de atividade física.


Mazzaropi e Mosiah Rodrigues lutam esgrima no Dia do Desafio /  Foto: André Ávila 

Bookmark and Share


Fonte: Karina Reif / Correio do Povo






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.