Porto Alegre, segunda-feira, 20 de Outubro de 2014

  • 03/06/2014
  • 00:40
  • Atualização: 00:42

Justiça emite alvará de soltura do juiz Nicolau

Acusado de desviar R$ 169 milhões em SP recebe liberdade por conta de indulto da presidente Dilma

Justiça emite alvará de soltura do juiz Nicolau | Foto: Roosewelt Pinheiro/ABr/CP

Justiça emite alvará de soltura do juiz Nicolau | Foto: Roosewelt Pinheiro/ABr/CP

  • Comentários
  • AE

A Justiça de São Paulo expediu, nesta segunda-feira, alvará de soltura para o ex-juiz Nicolau dos Santos Neto em medida que atende indulto concedido em dezembro de 2012 pela presidente Dilma Rousseff (PT). Aos 85 anos de idade, ele havia sido condenado a 26 anos e meio de prisão como principal acusado no inicio dos anos 2000 no escândalo do desvio de R$ 169 milhões – cerca de R$ 1 bilhão atualizados, segundo a Procuradoria da República –, das obras do Fórum Trabalhista da Capital paulista.

Nicolau presidia o Tribunal Regional do Trabalho da 2.ª Região (TRT2), em São Paulo, nos anos 1998, quando foi aberta licitação para construção do fórum, na Barra Funda. O Ministério Público Federal, alertado por denúncias de um ex-genro de Nicolau, constatou que ele amealhou patrimônio incompatível com os rendimentos de magistrado, inclusive um a casa luxuosa no Guarujá, um apartamento em Miami (EUA) e US$ 4 milhões na Suíça – todos esses bens foram confiscados pela Justiça.


Bookmark and Share


TAGS » Prisão, Política