Porto Alegre, segunda-feira, 22 de Dezembro de 2014

  • 03/06/2014
  • 07:10
  • Atualização: 07:15

Presidente da Síria vota em Damasco em polêmica eleição presidencial

Rebeldes e ativistas contrários ao regime consideraram pleito uma farsa

Presidente da Síria vota em Damasco em polêmica eleição presidencial | Foto: Facebook / AFP / CP

Presidente da Síria vota em Damasco em polêmica eleição presidencial | Foto: Facebook / AFP / CP

  • Comentários
  • AFP

O chefe de Estado sírio, Bashar al-Assad, votou nesta terça-feira ao lado da mulher, Asma, no Centro de Damasco em uma controversa eleição presidencial, que ele deve vencer sem dificuldades. "O presidente Assad votou no colégio eleitoral do bairro de Malki, no centro da capital", anunciou a televisão estatal.

A emissora e a página no Facebook da campanha presidencial de Assad exibiram fotografias do casal saindo da cabine eleitoral para depositar a cédula na urna, cercados por simpatizantes. Assad, de terno azul marinho, aparece nas imagens sorridentes ao lado da esposa.

Além de Assad, a eleição tem outros dois candidatos: o deputado independente Maher al-Hajar, que foi durante muito tempo integrante do Partido Comunista, e o ex-ministro Hasan al-Nuri, que votaram durante a manhã no hotel Sheraton de Damasco.

Os rebeldes e os ativistas contrários ao regime, assim como os governos dos Estados Unidos e de outros países ocidentais, consideram estas eleições uma "farsa" em um país que está em guerra desde 2011.


Bookmark and Share