Porto Alegre, sexta-feira, 19 de Dezembro de 2014

  • 03/06/2014
  • 23:12
  • Atualização: 00:04

Multidão faz manifestação pacífica contra fechamento do bar Tutti Giorni

Estabelecimento do Centro de Porto Alegre foi interditado por acúmulo de reclamações dos vizinhos

Multidão faz manifestação pacífica contra fechamento do bar Tutti Giorni | Foto: Fabiano do Amaral

Multidão faz manifestação pacífica contra fechamento do bar Tutti Giorni | Foto: Fabiano do Amaral

  • Comentários
  • Correio do Povo

Uma grande aglomeração de pessoas se manifestou contra o fechamento do bar Tutti Giorni, interditado pela Smic nesta terça-feira. Após o estabelecimento ser lacrado, centenas de pessoas permaneceram no local em protesto pacífico no ponto tradicional do Centro de Porto Alegre.

De acordo com o Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciosp), uma guarnição da BM foi enviada para monitorar a situação. Conforme a polícia, contudo, não foi necessária qualquer intervenção e o movimento seguiu com tranquilidade.

O fechamento atendeu solicitação da Brigada Militar, que recebeu denúncias de perturbação da ordem pública. Conforme nota divulgada pela Prefeitura de Porto Alegre, a BM relacionou casos de denúncias de moradores vizinhos relativos à perturbação da ordem pública.

Conforme o Ciosp, somente em 2014, mais de 17 denúncias foram registradas contra o Tutti. O ofício enviado pelo comando do 9º Batalhão de Polícia Militar à Smic relata, ainda, reclamações de perturbação do sossego provocada pelo barulho causado por frequentadores do bar e arredores, principalmente nas terças-feiras à noite.

Segundo o diretor da Divisão de Fiscalização da Smic, Rogério Stockey, além das reclamações de moradores da vizinhança, o bar está com alvará de localização e funcionamento vencido e, durante fiscalização, não foi apresentado o alvará de prevenção e proteção contra incêndio.


Bookmark and Share