Porto Alegre, terça-feira, 21 de Outubro de 2014

  • 04/06/2014
  • 17:16
  • Atualização: 17:26

Investigado despejo irregular de produto químico na rede pluvial de Porto Alegre

Forte odor de gás foi sentido entre a noite de terça e a manhã desta quarta-feira em diversos bairros

  • Comentários
  • Camila Kila/Rádio Guaíba

A Defesa Civil de Porto Alegre registrou ocorrência policial em relação ao forte odor sentido em diversos bairros da Capital entre a noite dessa terça-feira e a manhã de quarta. A titular da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (Dema), delegada Roberta Mariana da Silva, instaurou inquérito para apurar a possibilidade de crime de poluição.

Segundo a titular da DP, inicialmente, é preciso concluir qual produto foi despejado na rede pluvial, a fim de verificar se é tóxico ou não. Para isso, serão coletadas amostras nos pontos onde moradores sentiram cheiro de gás em bairros como Partenon, Medianeira, Glória, Azenha e Menino Deus. Um laboratório conveniado ao Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) vai fazer as análises.

A delegada fala que serão identificadas as empresas instaladas próximo aos locais afetados que operem na produção ou comercialização de produtos químicos. Assim, ela espera constatar se houve despejo irregular e chegar até os responsáveis.

O secretário-adjunto da Defesa Civil municipal, Hélio Oliveira, fala que nessa quarta-feira o produto já havia se diluído, chegando próximo à região Central da cidade. Quem tiver informações sobre a ocorrência de despejo que possa ter causado o problema e desejar fazer uma denúncia, pode ligar de forma anônima para o órgão, pelo telefone 3268-9026. A pena prevista para o crime de poluição é de até cinco anos de prisão.

Bookmark and Share