Correio do Povo

Porto Alegre, 30 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
19ºC
Amanhã
14º 21º


Faça sua Busca


Notícias > Geral > Saúde

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

06/06/2014 18:33 - Atualizado em 06/06/2014 18:36

Lacrado hospital desativado que fazia plásticas clandestinas em Porto Alegre

Hospital Petrópolis perdeu licença para realizar cirurgias em 2013

A Coordenadoria Geral da Vigilância em Saúde (CGVS), o Ministério Público (MP) e a Brigada Militar (BM) fecharam nesta sexta-feira o Hospital Petrópolis, em Porto Alegre, por realizar cirurgias estéticas clandestinas. O local não dispõe de aval para realizar procedimentos cirúrgicos desde junho de 2013, quando encerrou oficialmente o licenciamento. Por essa razão, a casa de saúde é considerada desativada pelo município.

O coordenador da CGVS, Anderson Lima, explicou que, após as denúncias, a Vigilância e o MP foram até o hospital e encontraram diversas irregularidades. “Flagramos uma cirurgia ilegal ocorrendo no local, que não tem, há bastante tempo, as licenças de operação necessárias para um hospital. Faltam documentos, corpo clínico, responsável técnico junto ao Conselho Regional de Medicina (Cremers) e uma série de outras exigências” enfatizou Lima.

A Vigilância teve dificuldades de acessar as dependências do Hospital Petrópolis e, por essa razão, foi solicitado o apoio da Brigada Militar.

Bookmark and Share

Fonte: Rádio Guaíba






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.