Correio do Povo

Porto Alegre, 31 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
14ºC
Amanhã
17º 25º


Faça sua Busca


Notícias > Polícia

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

10/06/2014 13:20 - Atualizado em 10/06/2014 14:08

Denarc faz apreensão recorde de drogas sintéticas no RS

Segundo o delegado Cléber Lima, foram apreendidas 2 mil doses de LSD avaliadas em R$ 100 mil

Polícia apreendeu doses de LSD, comprimidos de ecstasy e maconha adulterada<br /><b>Crédito: </b> Polícia Civil / Divulgação / CP
Polícia apreendeu doses de LSD, comprimidos de ecstasy e maconha adulterada
Crédito: Polícia Civil / Divulgação / CP
Polícia apreendeu doses de LSD, comprimidos de ecstasy e maconha adulterada
Crédito: Polícia Civil / Divulgação / CP

Em mais uma ação de repressão contra a venda de drogas sintéticas durante a Copa do Mundo, o Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc) efetuou nesta terça-feira uma apreensão recorde do alucinógeno LSD em uma única vez. “É a maior na história da Polícia Civil”, assegurou o diretor do Denarc, delegado Cléber dos Santos Lima. Ele calculou que a quantidade apreendida resultaria em cerca de 2 mil pontos de LSD comercializados sobretudo em festas de música eletrônica conhecidas como raves.

No domingo passado, em outra ação, os agentes recolheram quase mil comprimidos de outra drogas sintética, o ecstasy em Novo Hamburgo.

O flagrante ocorreu durante uma operação iniciada na noite de segunda-feira e que se estendeu na madrugada de ontem. Em Canoas, os agentes da 3ª Delegacia de Investigações do Denarc prenderam um personal trainer com 50 comprimidos de ecstasy, além de um Hyundai Sonata. Depois, os policiais civis foram até um condomínio residencial na Estrada do Mar, em Osório, onde detiveram um empresário. Um Fiat Strada acabou apreendido.

Na casa dele foram encontrados o LSD, avaliado em cerca de R$ 100 mil, e 152 comprimidos de ecstasy, conhecido como bala da gringa por ter efeito muito forte no organismo do usuário. No local houve ainda a descoberta de 150 gramas de maconha clone, geneticamente modificada e com cultivo hidropônico, cujo teor do princípio ativo da droga é potencializado em três vezes.

A ação do Denarc resultou ainda no recolhimento de R$ 1,8 mil em dinheiro, seringas, anabolizantes, remédios veterinários e medicamentos.

Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.