Porto Alegre, quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

  • 16/06/2014
  • 21:47

Quatro linhas da Carris devem parar por duas horas na sexta-feira

Trabalhadores do T3, T4, T8 e T10 farão protesto contra os constantes assaltos

  • Comentários
  • Eduardo Paganella / Rádio Guaíba

Após assembleia realizada na tarde desta segunda-feira, funcionários de pelo menos quatro linhas de ônibus da empresa Carris decidiram fazer uma paralisação de duas horas na próxima sexta-feira, em Porto Alegre. Entre às 17h e às 19h, nenhum ônibus das linhas T3, T4, T8 e T10 vão deixar os terminais da companhia. Os trabalhadores farão um protesto contra a falta de segurança nos coletivos.

Conforme o delegado sindical titular da Carris, Luís Afonso Martins, pelo menos 15 assaltos foram registrados nas linhas T4, T8 e T10 no último mês. Trabalhadores do T3 devem parar “por solidariedade” aos colegas.

“Os trabalhadores solicitaram essa manifestação porque estão preocupados com o grande número de assaltos. Já registramos até três assaltos por dia num mesmo ponto. Temos colegas que pediram afastamento por conta do pânico e estresse. Queremos chamar a atenção das autoridades, que não consegue nos ajudar”, disse Martins.

Conforme o delegado sindical, os assaltos ocorrem geralmente em um trecho entre as avenidas Ipiranga e Antônio de Carvalho, ponto de divisa entre dois batalhões. “Conversamos com o Comando de Policiamento da Capital e com representantes de batalhões. Um empurra para outro e ninguém consegue resolver o impasse dos assaltos”, salientou Martins.

A reportagem tenta contato com a Brigada Militar. Um ofício foi encaminhado à Carris informando a decisão dos trabalhadores.

Bookmark and Share