Porto Alegre, domingo, 21 de Dezembro de 2014

  • 18/06/2014
  • 10:29
  • Atualização: 10:36

Naufrágio na Malásia deixa cinco mortos e 32 desaparecidos

Barco de madeira transportava imigrantes clandestinos indonésios

  • Comentários
  • AFP

Ao menos cinco pessoas morreram e 32 estão desaparecidas após o naufrágio de um barco que transportava imigrantes clandestinos indonésios na costa ocidental malaia, confirmou nesta quarta-feira um funcionário da polícia marítima.

Sessenta pessoas foram resgatadas ou conseguiram nadar até a costa depois do acidente ocorrido perto do porto de Klang, o maior da Malásia. "Trinta e duas pessoas seguem desaparecidas. Encontramos cinco corpos, quatro homens e uma mulher", disse Mohamad Hambali Yaakup, chefe da polícia marítima de Klang.

"Um barco de madeira com 97 indonésios a bordo afundou quando chegava ao porto Klang, perto de Banting", disse o porta-voz da Agência Malaia da Polícia Marítima, Mohamad Zuhri, informando ainda que 31 viajantes foram resgatados. "Os indonésios tentavam chegar à Malásia de maneira ilegal cruzando o estreito de Malaca", acrescentou.

O barco afundou durante a noite, mas a causa do acidente o a capacidade da embarcação não eram conhecidas. Segundo as autoridades, um helicóptero e cinco embarcações participavam das atividades de socorro. A Malásia, terceira economia do sudeste asiático, atrai os trabalhadores migrantes de vizinhos pobres como Indonésia, Bangladesh e Mianmar.

Bookmark and Share