Porto Alegre, sábado, 22 de Novembro de 2014

  • 30/06/2014
  • 12:40
  • Atualização: 13:04

França reforça segurança e pede calma a torcedores argelinos

Polícia deteve 79 pessoas após empate entre Argélia e Rússia

  • Comentários
  • AFP

Um dispositivo de segurança reforçado foi organizado nesta segunda-feira na França, com pedidos de calma para evitar distúrbios, poucas horas antes da partida pelas oitavas de final da Copa do Mundo entre Alemanha e Argélia. "Pedimos serenidade a todos na hora de celebrar uma vitória", disse o secretário de Estado para Assuntos Europeus, Harlem Désir. "Não podemos deixar que os excessos prejudiquem o que deve ser uma festa", completou, ao justificar o reforço das medidas de segurança em diversas cidades da França.

Setenta e nove pessoas foram detidas na França em 26 de junho por distúrbios em Paris, Lyon, Marselha e outras cidades, depois que a Argélia garantiu a vaga nas oitavas de final com o empate de 1 1a1 contra a Rússia.

Os argelinos representam a maior comunidade de imigrantes na França. De acordo com o Instituto Nacional de Estatísticas, vivem na França 700 mil argelinos e 1 milhão de franceses de origem argelina.

  Bookmark and Share