Porto Alegre, quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

  • 04/07/2014
  • 12:04
  • Atualização: 12:12

Duas pessoas morrem devido a chuvas no interior gaúcho

Jovem de 23 anos está desaparecida em Arroio do Tigre

  • Comentários
  • Correio do Povo

A Defesa Civil do Estado confirmou a morte de duas pessoas devido às chuvas que ocorrem no Estado há mais de uma semana. Eracildo Luiz Assmann, de 56 anos, de Arroio do Tigre, e José Lindomar da Silva, Jacutinga, foram encontrados sem vida nesta sexta-feira. Uma terceira vítima está desaparecida, Paula Thon, de 23 anos, também de Arroio do Tigre. De acordo com a Defesa Civil, os bombeiros continuam as buscas.

Previsão de cheias

O relatório do Departamento de Recursos Hídricos do Rio Grande do Sul indica que o nível do Rio Uruguai, na região de Uruguaiana, deverá subir até sábado e baixar a partir de domingo. Em São Borja o nível deverá baixar gradativamente a partir do sábado e em Itaqui a partir do próximo domingo. Assim, de acordo com o relatório, a previsão indica retorno ao padrão normal entre terça e quarta-feira.

Sobe para 115 número de cidades afetadas pelas chuvas no RS

Subiu para 115 o número de municípios afetados pelas chuvas no Rio Grande do Sul. De acordo com o balanço da Defesa Civil divulgado às 7h desta sexta-feira, 67 cidades decretaram emergência e duas de calamidade pública.

O número de pessoas que tiveram de deixar as casas devido às enchentes chega a 15.670. São 1.624 desabrigados e 14.046 desalojados.

O governador Tarso Genro decidiu decretar situação de emergência coletiva. Técnicos do Ministério da Integração Nacional sugeriram a estratégia, a fim de que seja agilizada a liberação de recursos para o Rio Grande do Sul. Os recursos do governo federal devem chegar até quarta-feira.


Bookmark and<br />Share