Correio do Povo | Notícias | Calçadas danificadas atrapalham trânsito de pedestres em Novo Hamburgo

Porto Alegre

24ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 18 de Novembro de 2018

  • 29/01/2018
  • 08:29
  • Atualização: 08:34

Calçadas danificadas atrapalham trânsito de pedestres em Novo Hamburgo

Moradores do bairro Rio Branco sinalizaram as más condições do passeio com galhos

A calçada na rua Cristóvão Colombo começou a ceder em dezembro, informaram moradores | Foto: Stephany Sander / Especial / CP

A calçada na rua Cristóvão Colombo começou a ceder em dezembro, informaram moradores | Foto: Stephany Sander / Especial / CP

  • Comentários
  • Stephany Sander

Os pedestres de Novo Hamburgo, na Região Metropolitana, estão com dificuldades para transitar pelo município. As calçadas apresentam muitos buracos, pedras soltas e outros danos que complicam o trânsito dos moradores. No bairro Rio Branco, moradores da rua Cristóvão Colombo improvisaram para sinalizar as más condições do passeio com galhos.

“As pedras já estavam soltas desde agosto do ano passado por conta de uma obra. Os pedreiros colocavam os sacos de cimento ali e isso foi danificando a estrutura”, conta a professora Gladis Steinhaeger. Ela relata que em dezembro uma infiltração acabou abrindo um buraco e, desde então, a calçada começou a ceder. A atitude da professora e seus vizinhos de interditar a passagem já é comum. Outras calçadas também apresentam problemas em bairros como Centro, Operário, Canudos e Hamburgo Velho e alguns também foram sinalizados.

A Prefeitura de Novo Hamburgo lembra que a responsabilidade das calçadas é dos proprietários dos imóveis, como prevê a Lei Municipal 85/1954 e a Lei Complementar 2660/2013. Em caso de más condições dos passeios, após denúncia e fiscalização, há prazo de 60 dias, a partir da notificação, para que obras de melhorias sejam feitas. Os custos serão cobrados do proprietário. A Secretaria Municipal de Obras Públicas, Serviços Urbanos e Viários pode ser contactada pelo (51) 3594-9924.