Correio do Povo | Notícias | Prefeitos se mobilizam para acelerar obras da BR 290

Porto Alegre

18ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 19 de Novembro de 2018

  • 17/04/2018
  • 10:44
  • Atualização: 11:46

Prefeitos se mobilizam para acelerar obras da BR 290

Duplicação entre Pantano Grande e Eldorado do Sul prossegue em dois dos quatro lotes

Um dos serviços em execução é o viaduto em Pantano Grande | Foto: Lula Helfer / Gazeta do Sul / CP

Um dos serviços em execução é o viaduto em Pantano Grande | Foto: Lula Helfer / Gazeta do Sul / CP

  • Comentários
  • Otto Tesche

Os prefeitos integrantes da Associação dos Municípios do Vale do Rio Pardo (Amvarp) e da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec) articulam mobilização para acelerar a obra de duplicação da BR 290, entre Eldorado do Sul e Pantano Grande. As entidades pretendem fazer encontro com deputados federais e senadores da bancada gaúcha para solicitar que intercedam no Ministério dos Transportes com o intuito de pressionar pela liberação da verba necessária para a conclusão dos trabalhos, iniciados em 2014. A questão também será levada à Federação das Associações de Municípios do RS (Famurs).

Nos lotes 1 (entre o km 112,3, no entroncamento da BR 290 com a BR 116, em Eldorado do Sul, e o km 142, no acesso para Charqueadas e São Jerônimo) e 4 (do km 215, no perímetro urbano de Pantano Grande, até o km 228 da rodovia), as obras continuam porque o recurso já foi orçado e empenhado, mas as intervenções se arrastam com lentidão. Já nos lotes 2 e 3, não há trabalho em execução por falta de verba. O trecho total é de 115,7 quilômetros.

O prefeito de Pantano Grande, Cássio Nunes Soares, diz que R$ 137 milhões são suficientes para a conclusão da duplicação e da elevada no lote 4. Para toda a extensão da obra, o orçamento atualizado está em R$ 772 milhões. O recurso é aplicado na construção, desapropriações, administração e responsabilidade ambiental. “Pelo atraso, o orçamento já foi ampliado em R$ 172 milhões. Esse dado favorece o nosso pedido, para que o governo tenha maior agilidade na execução.” Usuários reclamaram da lama que se forma nos dias de chuva e alguns pontos de alagamento no perímetro urbano da BR 290 em Pantano Grande. No local, está em construção um viaduto.

A superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) no Estado informou que as obras do lote 4 seguem em andamento até o término dos recursos disponíveis no empenho de 2014, estimados em R$ 13,5 milhões. Segundo a autarquia, o valor é suficiente para a conclusão dos serviços no perímetro urbano de Pantano Grande. O estágio atual dos serviços executados está em 13,7% nos quatro lotes.