Correio do Povo | Notícias | Famílias deverão sair de áreas da ERS 118 em Sapucaia do Sul

Porto Alegre

23ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sábado, 22 de Setembro de 2018

  • 02/05/2018
  • 08:34
  • Atualização: 08:49

Famílias deverão sair de áreas da ERS 118 em Sapucaia do Sul

São cerca de 300 pontos, entre moradias e comércios, espalhados entre os km 0 e 5

Os moradores já foram notificados da ordem de despejo | Foto: Fernanda Bassôa / Especial / CP

Os moradores já foram notificados da ordem de despejo | Foto: Fernanda Bassôa / Especial / CP

  • Comentários
  • Fernanda Bassôa

A Justiça determinou que as áreas ocupadas irregularmente na faixa de domínio da ERS 118, em Sapucaia do Sul, sejam reintegradas ao Estado para que o governo possa dar continuidade às obras de duplicação da rodovia. São cerca de 300 pontos, entre moradias e comércios, oriundos de recentes ocupações, espalhados entre os km 0 e 5. A medida será cumprida por oficiais de Justiça, Brigada Militar e equipes do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), em data ainda não definida.

O superintendente do Daer, Ernesto Luiz Vasconcellos Eichler, informou que o levantamento feito pelas equipes apontou que a maioria dos ocupantes já foram ou são beneficiários de aluguel social. “Pessoas que já foram retiradas, que ganharam o benefício e agora voltaram a ocupar a faixa. A partir disso, não têm direito. De modo geral, o Departamento vai prestar todo auxílio de transporte de móveis e objetos pessoais para outro local. Daremos assistência com caminhões, retroescavadeiras e tratores.” A Secretaria de Obras, Saneamento e Habitação do Estado informou que ainda não foi feito nenhum tipo de solicitação com relação a novos alugueis sociais para a área da 118.

Maria Maquele, uma das lideranças da comunidade e que atualmente recebe aluguel social por ter sido removida da área de domínio da ERS, diz que os moradores já foram avisados sobre a reintegração e notificados com ordem de despejo. “O prazo que a Justiça deu foi de 15 dias. Alguns moradores estão revoltados e, inclusive, entraram com ação de indenização contra o Estado.”

A Secretaria de Transportes informa que a licitação para a duplicação e restauração da estrada entre os km 0 e 5 está em fase de análise de documentos das empresas participantes. O trecho corresponde à última etapa dos 21,5 quilômetros de extensão total dos serviços, que vão desde o entroncamento da BR 116 em Sapucaia do Sul até o encontro com a Freeway (BR 290) em Gravataí.