Correio do Povo | Notícias | Municípios do Norte do Estado cobram melhorias na pista da BR 386

Porto Alegre

22ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

  • 10/05/2018
  • 09:14
  • Atualização: 09:25

Municípios do Norte do Estado cobram melhorias na pista da BR 386

A via é usada para escoamento da produção da região e tem intenso trânsito de caminhões

O Dnit informou que faltam recursos para obras de recuperação | Foto: Agostinho Piovesan / Especial / CP

O Dnit informou que faltam recursos para obras de recuperação | Foto: Agostinho Piovesan / Especial / CP

  • Comentários
  • Agostinho Piovesan

A necessidade de obras de recuperação do trecho de 85,5 quilômetros da BR 386, entre Iraí (na divisa com Santa Catarina) e Boa Vista das Missões, passando por Frederico Westphalen e Seberi, no Norte do Estado, é reivindicada pela Associação dos Municípios da Zona da Produção (Amzop). O tema vem sendo debatido nos encontros promovidos pela entidade, que abrange 43 municípios.

O presidente da associação, Gilson De Carli, disse que a situação da pista da rodovia federal se agrava a cada dia e o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) não executa as obras necessárias. “Não podemos admitir que ocorra tanto descaso em relação à recuperação e manutenção da BR 386, principal rodovia federal que passa na região e é um dos principais pontos de saída e entrada no Rio Grande do Sul, em Iraí”, disse.

De Carli destaca que a região conta com grandes empreendimentos no setor primário – suínos, aves, leite, pedras preciosas, água mineral, produção de grãos, entre outros. Ele lembra que a BR 386 é conhecida como 'estrada da produção’ pela sua importância no escoamento do que é produzido na área. “O trânsito de caminhões de carga é intenso e o asfalto apresenta deformações de toda a ordem, prejudicando o trânsito e gerando situações de perigo de acidentes, o que aliás já vêm ocorrendo em razão dos desníveis da pista.”

O que diz o Dnit

O supervisor do Dnit em Cruz Alta, engenheiro Luiz Augusto Bassani, disse que não estão previstos serviços de melhorias na pista no trecho de Iraí a Boa Vista das Missões. “O problema se concentra na falta de recursos”, acentuou. Bassani informou que um novo contrato deverá ser assinado entre o Dnit e uma empresa de São Paulo para realizar obras, mas isso somente deverá ocorrer em julho ou agosto deste ano.

“A situação da pista da rodovia BR 386, na região de Frederico Westphalen, nos preocupa muito, pois se aproxima o inverno, o período de chuvas e as condições da pista deverão se agravar”, afirmou Bassani. O supervisor do Dnit cita que faltam recursos até mesmo para contratar uma empresa que possa realizar um trabalho de fresamento onde são registradas deformações mais graves.