Correio do Povo | Notícias | Casa da Cultura Hip Hop de Esteio oferece oficinas gratuitas

Porto Alegre

21ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 18 de Outubro de 2018

  • 11/05/2018
  • 11:32
  • Atualização: 11:55

Casa da Cultura Hip Hop de Esteio oferece oficinas gratuitas

As atividades contam com apoio e recursos do Ministério Público do Trabalho

As aulas são gratuitas e serão ministradas até dezembro | Foto: Rafael Diogo dos Santos / Divulgação / CP

As aulas são gratuitas e serão ministradas até dezembro | Foto: Rafael Diogo dos Santos / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Fernanda Bassôa

Começaram neste mês as oficinas na Casa da Cultura Hip Hop em Esteio, inaugurada em novembro do ano passado, no Centro da cidade. Para abrir as atividades, a Associação da Cultura Hip Hop de Esteio (Ache), responsável pelo local, promove o curso "Cinco Elementos do Hip Hop". As aulas são gratuitas e serão ministradas até dezembro, totalizando 450 horas, e são divididas em quatro módulos. Até o final do ano, pelo menos 60 jovens de 12 a 24 anos terão domínio dos quatro principais elementos da Cultura Hip Hop (DJ, MC, Breaking e Grafite), conforme explica o coordenador geral e administrativo da associação, Geovane Neves.

O quinto elemento, segundo ele, é "o conhecimento que os jovens adquirirão ao final da experiência". As oficinas ocorrem de segunda a quinta-feira, manhã e tarde, como atividade de turno inverso à escola. Lucas Silveira (MC), Alex Sandro Rezende (DJ), Mateus Greff (grafite) e Jackson Fonseca (dança) são os oficineiros responsáveis pelas atividades, que só foram possíveis a partir da destinação de recursos pelo Ministério Público do Trabalho (MPT).

Segundo a procuradora do MPT e responsável pela Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente, Patrícia de Mello Sanfelici, iniciativas desta natureza são fundamentais para combater o trabalho infantil e violações que envolvam crianças e adolescentes. “Além de permitir a existência de um espaço coletivo seguro, agradável e produtivo, ainda há a promoção de atividades de empoderamento e de construção de cidadania para toda a comunidade que frequenta a Casa. Essas atividades, além de configurarem o necessário contraturno escolar, podem potencializar o desenvolvimento de habilidades profissionais futuras." A casa da Cultura Hip Hop fica na rua José Guimarães, 203, bairro São Sebastião, onde podem ser feitas as inscrições.