Correio do Povo | Notícias | Obras devem começar neste ano no aeroporto de Passo Fundo

Porto Alegre

24ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

  • 16/06/2018
  • 07:15
  • Atualização: 07:40

Obras devem começar neste ano no aeroporto de Passo Fundo

Edital de licitação será divulgado em breve, prevendo ampliação do terminal de passageiros e recuperação da pista

Obras devem começar neste ano em aeroporto de Passo Fundo | Foto: Alex Borgmann / Divulgação / CP

Obras devem começar neste ano em aeroporto de Passo Fundo | Foto: Alex Borgmann / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A Secretaria Estadual dos Transportes anunciou a autorização para abertura de licitação de obras de ampliação do Aeroporto Lauro Kortz, de Passo Fundo, no Norte gaúcho. O recurso, de R$ 55 milhões, é oriundo do Ministério dos Transportes, com contrapartida do Estado.

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico de Passo Fundo, Carlos Eduardo Lopes da Silva, lembra que desde 2002 o aeroporto não recebe obras. A expectativa é que a população de pelos menos 60 cidades da região seja beneficiada com um aeroporto moderno. “Uma cidade desenvolvida como Passo Fundo precisa de um aeroporto com boa estrutura para continuar crescendo”, afirma.

O aeroporto é o terceiro maior do Estado no que se refere a fluxo de passageiros, atrás do Salgado Filho, na Capital, e do localizado em Caxias do Sul. Em 2017, passaram pelo local 168 mil pessoas. A estrutura tem três voos diários para Campinas, em São Paulo. A expectativa é que as operações para Porto Alegre, suspensas há dois anos, sejam retomadas ainda em 2018. A suspensão ocorreu por questões de melhorias em sistemas de segurança para voos noturnos, que devem ser executadas com as obras desta licitação, segundo o secretário. Ele lembra que uma mobilização de entidades locais auxiliou para que neste ano o investimento seja executado. Já existem o estudo de viabilidade, anteprojeto, projeto e licenças.

Em nota, a Secretaria Estadual dos Transportes disse que nos próximos dias a informação sobre o edital deve ser publicada no Diário Oficial. A empresa contatada irá construir novo terminal de passageiros e novo pátio para estacionamento das aeronaves, além de fazer a recuperação da atual pista de pousos e decolagens. Serão cinco posições de aeronaves em pista – hoje existe apenas uma. As obras devem começar ainda neste ano, e a operação deve ser suspensa por no máximo 30 dias, durante as obras de melhorias da pista.