Correio do Povo | Notícias | Hospital de Santa Rosa recebe aparelhos para diagnóstico

Porto Alegre

23ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sábado, 22 de Setembro de 2018

  • 20/06/2018
  • 08:41
  • Atualização: 08:44

Hospital de Santa Rosa recebe aparelhos para diagnóstico

Equipamentos custaram R$ 6 milhões e foram adquiridos com recursos do Ministério da Saúde

Aparelhos da área de Oncologia estão na nova unidade do Vida & Saúde | Foto: Lisandra Steffen / Divulgação / CP

Aparelhos da área de Oncologia estão na nova unidade do Vida & Saúde | Foto: Lisandra Steffen / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Felipe Dorneles

O Hospital Vida & Saúde, de Santa Rosa, recebeu equipamentos novos para o diagnóstico de doenças como o câncer. Um aparelho de ressonância nuclear magnética e um de tomografia estão na nova unidade da casa de saúde que será inaugurada nos próximos meses. Os equipamentos, que custaram mais de R$ 6 milhões, foram adquiridos com recursos do Ministério da Saúde, por meio do Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica, que tem como objetivo incentivar serviços desenvolvidos por entidades, associações e fundações privadas sem fins lucrativos na área da Oncologia.

O presidente do hospital, Rubens Zamberlan, revela que é a primeira vez que o Vida & Saúde vai ter o serviço de ressonância. “Os novos equipamentos vão qualificar ainda mais os atendimentos, além de serem extremamente importantes para qualificarmos e agilizarmos nosso serviço de Oncologia. Vamos oferecer na nova unidade um atendimento de diagnóstico de referência e alta resolutividade.”

Os dois primeiros pavimentos serão destinados ao Setor de Diagnóstico. O diretor de Infraestrutura do hospital, Rodrigo Calixto, explica que os equipamentos estão alocados no primeiro pavimento da novo espaço, onde também ficará alocado o laboratório de análises clínicas. O segundo pavimento irá abrigar uma recepção e serviços como raios X, mamografia e ecografia. Com o novo espaço, a instituição terá capacidade de dobrar o número de atendimentos no setor. Os outros sete pavimentos da nova unidade seguem em obras e irão abrigar a Unidade de Tratamento Intensivo, bloco cirúrgico e internações.