Correio do Povo | Notícias | Cães resgatados em Sapucaia do Sul passam por avaliação clínica

Porto Alegre

17ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

  • 20/06/2018
  • 14:16
  • Atualização: 19:30

Cães resgatados em Sapucaia do Sul passam por avaliação clínica

Cerca de 40 animais foram encontrados em um galpão em estado de desnutrição

Cerca de 40 animais foram encontrados em um galpão em estado de desnutrição | Foto: Dina Terezinha da Silva Vicente / Divulgação / CP

Cerca de 40 animais foram encontrados em um galpão em estado de desnutrição | Foto: Dina Terezinha da Silva Vicente / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Fernanda Bassôa

Os cerca de 40 cães, que permaneceram por três semanas trancados em um galpão sem comida, nem água, resgatados de um sítio na zona rural de Sapucaia do Sul, estão em fase de recuperação. Muitos estão com sarna e apresentam um quadro grave de desnutrição. O secretário municipal de Meio Ambiente, Alex Sandro de Lima, explica que os animais estão passando por avaliações clínicas e já recebem alimentação. “Trata-se de uma propriedade particular. Chegamos até o local através de denúncias. A proprietária já foi identificada e será notificada por maus-tratos aos animais. Trâmites na esfera administrativa estão sendo adotados." Ele destacou que prioridade é com o bem-estar dos animais. 

Segundo Lima, os cães estão sob os cuidados de três protetoras da região e, neste momento, não há condições de disponibilizar os animais para adoção. “Ainda estão muito debilitados.” O secretário garante que os animais já foram colocados na lista de prioridade da pasta para serem submetidos a procedimento de castração.

Uma das protetoras que tem acompanhado a situação, Dina Terezinha da Silva Vicente, disse que a cena foi chocante. “Os animais estão sem pelagem, magros e muito desnutridos. Além disso, no local haviam cerca de 80 cães. Morreram metade dos animais por falta de alimento. Uma lástima.” Atualmente os animais resgatados estão recebendo cuidados especiais e abrigados na casa de uma das protetoras, que já conta com outros 120 animais. No local, serão construídos novos canis.

Interessados em fazer doações de materiais de construção, alimentos, cobertores e medicamentos podem contatar os protetores pelos telefones 98922-7996 ou 99141-5116. "Nossa maior preocupação no momento, além da vida dos bichinhos que resgatamos, pois estão todos com problemas de pele devido à baixa imunidade, é com a construção de novos espaços para acomodá-los de forma digna. Agradecemos a preocupação e solidariedade de todos, e qualquer doação será bem-vinda”, disse o protetor de animais e vice-presidente da Ong Amigos do Flopy, de Sapucaia do Sul, Rudy Caneppelle.

Segundo ele, haverá pontos de coletas nesta quinta e sexta-feira, na Praça General Freitas, em Sapucaia do Sul, durante o brechó montado no local das 9h às 16 horas. Em Esteio, a coleta acontece no sábado, na Rua Coberta, durante a feira de adoção de animais. Neste dia, os donativos podem ser entregues também das 9 às 16 horas. O caso não foi registrado na Polícia Civil.