Correio do Povo | Notícias | Skatistas terão nova pista em Cachoeirinha

Porto Alegre

19ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, terça-feira, 18 de Setembro de 2018

  • 07/07/2018
  • 08:35
  • Atualização: 08:38

Skatistas terão nova pista em Cachoeirinha

Atletas amadores e profissionais do município se mobilizaram para a construção da estrutura

Pista, planejada para ter mil metros quadrados com rampas e obstáculos, será uma das mais modernas do Estado | Foto:  Fernanda Bassôa / Especial / CP

Pista, planejada para ter mil metros quadrados com rampas e obstáculos, será uma das mais modernas do Estado | Foto: Fernanda Bassôa / Especial / CP

  • Comentários
  • Fernanda Bassôa

A expectativa de ver concluída a sonhada pista de skate, atualmente em construção na praça do Palmeirinha, no bairro Ponta Porã, em Cachoeirinha, é grande para atletas profissionais e amadores da cidade. A movimentação para que o projeto saísse do papel e se tornasse realidade teve início em 2015, quando os skatistas começaram a angariar recursos e foram contemplados com uma emenda parlamentar no valor de R$ 720 mil. As obras, em execução desde 2017, têm previsão de conclusão para o segundo semestre.

A pista, planejada para ter mil metros quadrados com rampas e obstáculos, será uma das mais modernas do Estado e contará com material pré-moldado e peças montadas em fábrica. O presidente da União dos Skatistas de Cachoeirinha, Mateus Braga de Oliveira, 22 anos, diz que a cidade conta com cem esportistas, cerca de 20 deles, competidores de importantes eventos no Estado e no País. “Vemos nesta obra um local adequado para a prática do skate e treino responsável. A finalização e entrega deste projeto, construído a várias mãos, além de beneficiar os atletas, vai movimentar o setor financeiro e econômico da cidade, tendo em vista que skatistas de outras cidades também virão para Cachoeirinha”, acredita.

O secretário municipal de Planejamento e Captação de Recursos, Elvis Valcarenghi, admite que o espaço é fruto de movimento dos atletas. “A obra foi contratada por R$ 560 mil. Hoje, há visivelmente apenas 10% dos serviços concluídos e a empresa já foi notificada sobre os prazos.” No entanto, ele lembra que houve demora na liberação de verba pela Caixa Econômica.

O sócio-proprietário da empresa Semeai SkatePark, vencedora da licitação, Rodrigo Saito, garante que houve atraso no cronograma em razão da greve dos caminhoneiros, que culminou na falta de concreto usinado e deixou parte da equipe trancada na estrada. “Estamos construindo algumas formas para a concretagem, rampas que serão implantadas no local. Essa parte do serviço é que demanda mais tempo.” Ele avalia ser possível entregar a obra em setembro.

O atual campeão brasileiro Amador de Street Skate e morador da cidade, João Lucas Lima, 17 anos, o “Xuxu”, que em junho ganhou medalha de ouro no Xtreme Barcelona, na Espanha, acredita ser importante ter uma pista adequada na comunidade. “Além de atrair atletas de fora da cidade, vai estimular muita gente a praticar o esporte.” A praça vai ganhar também bancos, academia e uma quadra.