Porto Alegre

24ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, terça-feira, 23 de Janeiro de 2018

  • 30/12/2017
  • 12:28
  • Atualização: 12:29

Penúltimo dia de apostas na Mega da Virada tem movimento tranquilo em Porto Alegre

Estimativa é que o último sorteio do ano pague R$ 280 milhões a quem acertar as seis dezenas

Estimativa é que o último sorteio do ano pague R$ 280 milhões a quem acertar as seis dezenas | Foto: Guilherme Almeida

Estimativa é que o último sorteio do ano pague R$ 280 milhões a quem acertar as seis dezenas | Foto: Guilherme Almeida

  • Comentários
  • Jéssica Hubler

No sábado, penúltimo dia de apostas para a Mega da Virada, que pagará o maior prêmio da história das loterias, o movimento foi tranquilo em Porto Alegre. Com a cidade vazia por conta do feriado de ano novo, as lotéricas abriram as portas e receberam apostadores tradicionais.

Neusa Barcellos, 67 anos, acordou cedo no sábado para garantir sua aposta na Mega da Virada. O jogo, segundo ela, é um hábito que herdou do marido, que vivia nas lotéricas. “Ele sempre me trazia e pedia para eu escolher os números. Desde então, faço o mesmo. Sempre estou apostando”, afirmou.

A Mega da Virada de 2017 já entrou para a história das loterias no Brasil. Até o momento, a estimativa é que o último sorteio do ano pague R$ 280 milhões a quem acertar as seis dezenas do concurso número 2 mil, que será realizado na noite do dia 31 de dezembro, antes da virada do ano. Conforme o gerente de clientes e negócios da Caixa, Ricardo Vieira, se a quantia do prêmio for aplicada na poupança, pode render cerca de R$ 1,2 mihão por mês, o suficiente para comprar um apartamento de luxo ou uma frota com 40 carros populares.

Vieira identificou em todos ganhadores de prêmios milionários a quem prestou consultoria, independente da origem, dois desejos em comum: comprar uma casa nova e quitar dívidas. Para os recém tornados milionários, ele recomenda realizar imediatamente um destes sonhos: quitar todas as dívidas. “Zere tudo, começou uma vida nova”, explicou. Aliás, o futuro é o outro grande ponto que ocupa o pensamento de quem se tornou milionário da noite para o dia.

Segundo Vieira, se não tomar cuidado, o dinheiro acaba mais rápido do que se imagina. “Nada de torrar dinheiro, de esbanjar ou comprar a casa e o carro dos sonhos logo nos primeiros dias. Se fizer tudo bem planejado, o premiado poderá viajar muitas vezes, terá a casa e o carro que sempre desejou, poderá ajudar a família e ainda terá dinheiro e conforto para o resto da vida”, destacou.


TAGS » Economia, Lotérica