Correio do Povo | Notícias | Porto Alegre tem segunda maior variação do IPCA em abril

Porto Alegre

11ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 20 de Agosto de 2018

  • 10/05/2018
  • 09:36
  • Atualização: 09:40

Porto Alegre tem segunda maior variação do IPCA em abril

Dados foram divulgados nesta quinta-feira pelo IBGE

Energia elétrica influenciou no aumento da inflação em abril | Foto: Fernando C. Vieira / Grupo CEEE / Divulgação / CP

Energia elétrica influenciou no aumento da inflação em abril | Foto: Fernando C. Vieira / Grupo CEEE / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Porto Alegre foi a capital que teve a segunda maior variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em abril. O índice fechou em 0,40% - quase o dobro da média nacional que, em abril, ficou em 0,22%.

Os dados divulgados nesta quinta-feira, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apontam ainda que a capital gaúcha ficou atrás apenas de Campo Grande (0,73%) e empatou com Brasília, que também fechou o mês com o IPCA em 0,40%.

A alta da inflação é influenciada por sete – dos nove produtos pesquisados: alimentação e bebidas (0,09%), habitação (0,17%), artigos de residência (0,22%), vestuário (0,62%), saúde e cuidados pessoais (0,91%), despesas pessoais (0,12%), educação (0,08%). Já o setor de transportes ficou estável em abril e o grupo de comunicação apresentou deflação de 0,07%.

A inflação em saúde – grupo que teve maior variação no período – é devido ao aumento dos preços de remédios (1,52%) e dos planos de saúde (1,06%). Os medicamentos refletem o reajuste anual que passou a valer a partir de 31 de março, variando entre 2,09% e 2,84%, conforme o tipo de medicamento.

Já a alta de 0,17% na habitação foi impulsionada pela energia elétrica (0,99%) devido aos reajustes nas tarifas em cinco das 13 regiões pesquisadas. Em Porto Alegre, devido ao aumento da RGE Sul e, no Rio de Janeiro, os reajustes referem-se às duas concessionárias.


TAGS » IBGE, Economia, IPCA