Correio do Povo | Notícias | Região Metropolitana de Porto Alegre fecha 2018 com a maior inflação do país

Porto Alegre

23ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sábado, 19 de Janeiro de 2019

  • 11/01/2019
  • 10:27
  • Atualização: 11:19

Região Metropolitana de Porto Alegre fecha 2018 com a maior inflação do país

IPCA ficou em 4,62%, acima da média nacional de 3,75%

Alta foi puxada pelos valores das frutas | Foto: USP Imagens / CP

Alta foi puxada pelos valores das frutas | Foto: USP Imagens / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A região metropolitana de Porto Alegre encerrou 2018 com a maior inflação do país. O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) da Capital gaúcha registrou o acumulado em 4,62%, enquanto a média nacional foi de 3,75%. Em 2017, o IPCA local havia ficado em 2,52%. Em dezembro, o índice passou para 0,26% contra -0,42 em novembro.

Os dados, divulgados nesta sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apontam que o custo de vida na Capital e demais municípios que fazem parte da região metropolitana tem pesado no bolso. Segundo o IBGE, a alta foi puxada pelos valores das frutas (46,15%) e energia elétrica (17,58%). 

Porto Alegre foi seguida pelo Rio de Janeiro (4,30%), Vitória (4,19%), Salvador (4,04%), Belo Horizonte (4%), São Paulo (3,68%), Rio Branco (3,44%), Curitiba (3,38%), Goiânia (3,14%), Brasília (3,06%), Belém (3%), Campo Grande (2,98%), Fortaleza (2,90%), Recife (2,84%), São Luís (2,65%) e Aracaju (2,64%). 

O IPCA é calculado pelo IBGE desde 1980, se refere às famílias com rendimento monetário de um a 40 salários mínimos, qualquer que seja a fonte, e abrange 10 regiões metropolitanas, além dos municípios de Aracaju, Brasília, Campo Grande, Goiânia, Rio Branco e São Luís. Para cálculo do índice do mês, foram comparados os preços coletados no período de 29 de novembro a 28 de dezembro de 2018 (referência) com os preços vigentes no período de 27 de outubro a 28 de novembro de 2018 (base).