Correio do Povo | Notícias | MEC autoriza curso de Medicina na Unijuí

Porto Alegre

22ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sábado, 19 de Janeiro de 2019

  • 27/12/2018
  • 08:33
  • Atualização: 08:57

MEC autoriza curso de Medicina na Unijuí

Universidade irá fazer os ajustes finais para a realização do vestibular

  • Comentários
  • Correio do Povo

Foi publicada na quarta-feira, após intensa luta em conjunto com a comunidade regional, a portaria 905, de 24/12/2018, no Diário Oficial da União, que autoriza o curso de graduação em Medicina na Unijuí, com 50 vagas. Agora, a Universidade realizará os ajustes finais para a realização do vestibular, previsto para 24 de fevereiro de 2019.

Nesta primeira seleção serão ofertadas 30 vagas (3, pelo ProUni). Segundo a direção da Unijuí, o projeto pedagógico do curso é fruto de um coletivo de professores e de demanda da comunidade regional; e está alinhado à política do Sistema Único de Saúde (SUS). Nos estudos, o acadêmico começará a estabelecer relação com cenários de prática já nos primeiros semestres do curso.

A reitora da Unijuí, Cátia Maria Nehring, comemorou o resultado: “a portaria de autorização fecha um ciclo de muita luta de toda a comunidade de Ijuí e da Unijuí”. A homologação e autorização para realizar o vestibular ocorreu após visita in loco da equipe do Ministério da Educação (MEC).

Nos últimos dias 10 e 11 foram visitadas estruturas da Rede de Atenção Básica do Município, estrutura hospitalar, biblioteca, laboratórios; e houve diversas reuniões com instituições e poder público. No dia 18, o MEC divulgou o relatório gerado após a visita.

A luta pelo curso de Medicina começou em 1992, quando o vestibular (com a lista dos aprovados divulgada) foi anulado pela Justiça, a pedido do Conselho Federal de Medicina.

Em 2012, a Unijuí liderou movimento que criou o Comitê Comunitário Pró-Curso de Medicina. E, após a Universidade estar habilitada, em 2015, um revés marcou a busca pelo curso, posteriormente revertido com a desistência da Instituição de outro estado que buscava se estabelecer em Ijuí. Um novo edital foi publicado e a Unijuí se habilitou, desta vez, com sucesso.