Correio do Povo | Notícias | Praça da Alfândega recebe últimas reformas para reabrir no 2º segundo semestre

Porto Alegre

25ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 14 de Novembro de 2018

  • 31/03/2012
  • 21:41
  • Atualização: 21:42

Praça da Alfândega recebe últimas reformas para reabrir no 2º segundo semestre

Área histórica no Centro de Porto Alegre passará por ajardinamento e restauração de monumentos

Praça da Alfândega recebe últimas reformas para reabrir no 2º segundo semestre | Foto: Cristiano Estrela

Praça da Alfândega recebe últimas reformas para reabrir no 2º segundo semestre | Foto: Cristiano Estrela

  • Comentários
  • Luiz Sérgio Dibe/Correio do Povo

Operários espalhados pela praça. Escultor no andaime sobre a estátua equestre. Essas imagens compõem o cenário para quem passa, nestes dias, pela Praça da Alfândega. O segundo semestre deste ano deverá marcar o reencontro dos porto-alegrenses com o local. Até lá, os trabalhadores seguem atuando no precioso espaço histórico no Centro, que passa por reformas há mais de dois anos e, desde então, sofreu diversos fechamentos parciais para execução dos serviços de restauração dos passeios, canteiros, iluminação e paisagismo.

Agora faltam poucos afazeres. Conforme o arquiteto do Programa Monumenta, Luiz Merino Xavier, um artesão e seus ajudantes terminam o desenho do calçamento em pedras portuguesas. "Falta o entorno, os calçadões da Rua da Praia, da Sete de Setembro e a frente do Margs, do Memorial e do Santander Cultural: as bordas da praça", indica Merino.

A nova instalação elétrica, segundo ele, feita com tubulação subterrânea, está pronta, exceto por alguns postes que ainda serão colocados. "O velho banheiro público está sendo demolido. Será tirado do meio da praça para ser reerguido contra a lateral da Caixa Econômica Federal", aponta o arquiteto.

Por fim, duas ações deverão devolver a beleza e a característica monumental ao ambiente histórico: a restauração das estátuas e o ajardinamento. O restauro está sendo feito pelo escultor Gutê, cuja assinatura está marcada nos tapumes de compensado que cercam a estátua do General Osório, no coração da praça.

Outra estátua que passa por restauração é a do escritor mineiro Carlos Drummond de Andrade, que compõe o "Monumento à Literatura" com o poeta Mario Quintana sentado. A obra, de autoria dos escultores Xico Stockinger e Eloisa Tregnago, uma das mais visitadas da Praça da Alfândega, está sendo trabalhada aos cuidados do Programa Monumenta.

O ajardinamento tem previsão de início nos próximos dias e de conclusão dos trabalhos para junho. A Secretaria Municipal do Meio Ambiente pagará R$ 244.151,40 à empresa vencedora da licitação. O projeto paisagístico prevê a utilização de 17 espécies de plantas ornamentais para a cobertura de todos os jardins da praça.

Ao todo, estão sendo investidos R$ 2,9 milhões na recuperação da Alfândega. O recurso é público municipal em contrapartida a outros investimentos federais aplicados pelo Programa Monumenta em Porto Alegre. A intenção é restabelecer o visual original da concepção do local, construído no início do século passado.

Bookmark and Share