Correio do Povo | Notícias | Prefeitura lança nova licitação para o serviço BikePoa

Porto Alegre

17ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

  • 07/01/2016
  • 13:57
  • Atualização: 20:24

Prefeitura lança nova licitação para o serviço BikePoa

Entrega dos envelopes com as propostas das empresas interessadas está prevista para 25 de fevereiro

  • Comentários
  • Mauren Xavier

Foi lançada nesta quinta-feira a segunda licitação para o serviço de bicicletas compartilhadas de Porto Alegre, conhecido por BikePoa. O presidente da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Vanderlei Cappellari, espera que haja no mínimo três interessados no processo. Uma empresa deve ser de Porto Alegre e outra de São Paulo, além da atual prestadora do serviço, que tem sede em Pernambuco. O edital foi publicado no Diário Oficial de Porto Alegre com as definições de obrigações e responsabilidades. A entrega dos envelopes com as propostas das empresas interessadas está prevista para o dia 25 de fevereiro, às 14h30min.

Essa é a segunda tentativa da Prefeitura de licitar o serviço. O primeiro edital foi realizado em setembro de 2015 e não teve interessados. Um impasse foi em relação ao rateio da verba arrecada no cadastro do usuário, que foi descartado.

Segundo Cappellari, foram feitos alguns ajustes, atendendo especialmente apontamentos feitos pelas interessadas. Como não haverá mudanças em relação ao preço do serviço, que não poderá sofrer alteração, o critério de seleção será de capacidade técnica. Assim, as empresas que apresentaram propostas de instalação de um número maior de estações e de disponibilidade de bicicletas, além de outras melhorias, poderão ter pontuação maior. O vencedor será responsável pelo serviço por cinco anos.

“Buscamos melhorar a qualidade do serviço ao usuário”, afirmou o presidente da EPTC. Pelo edital, as empresas interessadas deverão se comprometer a manter no mínimo 40 estações de retirada e devolução de bicicletas e disponibilizar no mínimo 400 bicicletas. Além disso, deverá gerenciar o sistema de operação do cadastro de usuários, controle de retiradas e devolução das bicicletas e monitoramento e controle de pagamentos. Também será de responsabilidade da empresa vencedora a limpeza e manutenção dos equipamentos. A exploração publicitária estará limitada a três patrocinadores.

Desde o início do serviço, em setembro de 2012, até o ano passado, foram realizadas mais de 740 mil viagens. O número de cadastrados no site é de 167 mil usuários. Atualmente, o usuário paga R$ 5 pelo passe diário, ou R$ 10 com validade mensal. Viagens com duração de mais de um hora serão tarifadas separadamente.