Correio do Povo | Notícias | Sindicato dos Metalúrgicos quer suspensão de operações por vazamento

Porto Alegre

22ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 18 de Novembro de 2018

  • 15/08/2016
  • 13:10
  • Atualização: 13:37

Sindicato dos Metalúrgicos quer suspensão de operações por vazamento

Sinmgra divulgou nota para dar dá suporte a trabalhadores afetados na empresa Johnson Constrols

Sindicato apoia que funcionários só retomem atividades após comprovação das condições de segurança | Foto: (Marcia Simone Peroza Ramos / Sindicato dos Metalúrgicos de Gravataí / Divulgação / CP

Sindicato apoia que funcionários só retomem atividades após comprovação das condições de segurança | Foto: (Marcia Simone Peroza Ramos / Sindicato dos Metalúrgicos de Gravataí / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

O Sindicato dos Metalúrgicos de Gravataí (Sinmgra) emitiu uma nota após o vazamento de produto químico, ocorrido na empresa Johnson Constrols, terceirizada da General Motors (GM), em Gravataí, nesta segunda-feira.

De acordo com a nota, o Sinmgra está desde as 5h no local, conversando com os trabalhadores e analisando a situação junto à empresa, para que as atividades sejam suspensas até a situação ser resolvida.

O presidente do Sinmgra, Valcir Ascari, defende que a proteção dos funcionários é fundamental para o desempenho do trabalho. "Investir em segurança é fundamental. Por isso, é preciso pensar nos trabalhadores, quais são os riscos que eles correm e como pode ser feita a prevenção", ressaltou.

O sindicato afirma que irá continuar pressionando para que os trabalhadores não retomem a rotina de serviço sem a comprovação das condições necessárias de segurança.