Correio do Povo | Notícias | Projetos para reduzir alagamentos na zona Norte de Porto Alegre não foram finalizados

Porto Alegre

22ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, terça-feira, 16 de Outubro de 2018

  • 13/01/2018
  • 10:43
  • Atualização: 10:44

Projetos para reduzir alagamentos na zona Norte de Porto Alegre não foram finalizados

Drenagem da bacia do arroio Areia e recuperação da casa de bombas deveriam começar em 2018

Condutores que passam pela Sertório em dias de chuvas enfrentam dificuldades | Foto: Alina Souza / CP memória

Condutores que passam pela Sertório em dias de chuvas enfrentam dificuldades | Foto: Alina Souza / CP memória

  • Comentários
  • Correio do Povo

Os projetos das obras que pretendem reduzir os alagamentos na zona Norte de Porto Alegre, principalmente da bacia hidrográfica do arroio Areia e da Casa de Bombas Sílvio Brum, na avenida Sertório, ainda não foram finalizados segundo a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Smim). A secretaria informou que não há até o momento prazo para o início dos trabalhos.

A previsão da Prefeitura de Porto Alegre era de que os projetos fossem finalizados até dezembro do ano passado e as obras começassem a ser executadas no início de 2018. A reforma da casa de bombas Sílvio Brum faz parte do Programa de Recuperação do Sistema de Proteção Contra as Cheias.

Em agosto do ano passado, o então ministro das Cidades, Bruno Araújo, e o prefeito Nelson Marchezan Júnior assinaram o termo de autorização de início dos projetos e da execução das obras de drenagem na bacia hidrográfica do arroio Areia e de recuperação da casa de bombas Sílvio Brum. Na época, o prefeito afirmou que as obras eram fundamentais à prevenção de enchentes em regiões da zona Norte da Capital. O investimento anunciado foi de mais R$ 100 milhões, e resultaria de uma parceria entre o Município e os governos federal e estadual.

A estimativa da prefeitura é de que cerca de 180 mil pessoas em 14 bairros das zonas Norte e Noroeste da cidade sejam beneficiadas. Os bairros atendidos pela obra são Boa Vista, Chácara das Pedras, Cristo Redentor, Higienópolis, Jardim São Pedro, Jardim Floresta, Jardim Carvalho, Passo D’Areia, Santa Maria Goretti, São João, Três Figueiras, Vila Ipiranga, Bom Jesus e Vila Jardim.