Correio do Povo | Notícias | Hemocentro do RS precisa de doações para manter estoque de sangue durante Carnaval

Porto Alegre

23ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 14 de Novembro de 2018

  • 07/02/2018
  • 09:29
  • Atualização: 09:41

Hemocentro do RS precisa de doações para manter estoque de sangue durante Carnaval

Principal necessidade é o sangue do tipo O-

Doações podem ser realizadas das 8h às 18h, na sede do Hemocentro | Foto: Hemocentro RS / Divulgação / CP

Doações podem ser realizadas das 8h às 18h, na sede do Hemocentro | Foto: Hemocentro RS / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Para garantir estoque durante os quatro dias do Carnaval, o Hemocentro do Rio Grande do Sul precisa de doações de sangue. Todos os tipos são bem-vindos, mas a necessidade principal, de acordo com a coordenadora adjunta do Hemocentro, Kátia Brodt, é da do sangue O-.

Os doadores podem se dirigir à sede do Hemocentro, na avenida Bento Gonçalves, número 3722, até sexta-feira, 9, entre 8h e 18h. O atendimento será interrompido no carnaval e retorna na quarta-feira, 14, a partir das 13h.

Hospital de Clínicas

O banco de sangue do Hospital de Clínicas também precisa de doações. Todos os tipos de sangue são necessários, especialmente do tipo sanguíneo A e AB. Segundo o balanço do estoque do banco de sangue, os tipos A- e B- também estavam em estado crítico. Já os O- e AB- tinham estoque em alerta. O único estável é o O+. Apesar da necessidade ser constante, o chefe do serviço de hemoterapia da unidade, Leo Sekine, reconhece que no país não há uma tradição na doação.

Atenção

Para doar, a pessoa precisa estar com boas condições de saúde, alimentada, ter entre 16 e 69 anos, pesar no mínimo 50 quilos, apresentar documento oficial de identidade com foto, não ter ingerido bebida alcoólica e não ter fumado no mínimo duas horas antes.