Correio do Povo | Notícias | Exército vistoria lotes de obras da BR 116

Porto Alegre

21ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

  • 08/05/2018
  • 20:33
  • Atualização: 20:36

Exército vistoria lotes de obras da BR 116

Trabalho faz parte de estudo para definir se Forças Armadas assumirão trabalho de duplicação

Representantes de Dnit e Exército vistoriaram lotes 1 e 2 da duplicação da BR 116 | Foto: Dnit / Divulgação / CP

Representantes de Dnit e Exército vistoriaram lotes 1 e 2 da duplicação da BR 116 | Foto: Dnit / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Uma equipe do Exército e do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) vistoriou os lotes 1 e 2 da duplicação da BR 116, entre Guaíba e Tapes, na manhã desta terça-feira. A visita técnica serviu para avaliar se será possível de o Exército firmar um convênio e assumir a continuidade dos trabalhos no trecho – que tem cerca de 50 quilômetros de extensão.

A próxima etapa da pesquisa terá estudos técnico, ambiental e financeiro. A partir de então, o Exército definirá se terá condições de assumir a obra, além de quando e quanto tempo levará para concluir. Interrompidos há mais de um ano, os lotes 1 e 2 têm 62,2% e 70,5% das obras concluídas, conforme o Dnit, que sugeriu que o Exército assumisse a obra.

Caso o Comando Militar do Sul assuma a execução das obras nos Lotes 1 e 2, os trabalhos serão realizados pelo 1º Batalhão Ferroviário de Lages, em Santa Catarina.

A duplicação do trecho entre Guaíba e Pelotas da BR 116 iniciou no segundo semestre de 2012 e está, atualmente, em 60% dos trabalhos concluídos. Os lotes 4, 5, 6 e 7, de Camaquã a São Lourenço do Sul, são os que estão com trabalhos em andamento.

Ao todo, de acordo com o Dnit, já foram investidos mais de R$ 791 milhões na obra e são necessários outros R$ 600 milhões para concluir os 211,2 quilômetros entre as duas cidades.


TAGS » Dnit, Exército, BR 116