Correio do Povo | Notícias | Governo libera R$ 102,8 mil para combater sarampo em Pacaraima

Porto Alegre

19ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 15 de Novembro de 2018

  • 24/08/2018
  • 12:47
  • Atualização: 13:02

Governo libera R$ 102,8 mil para combater sarampo em Pacaraima

Governo de Roraima está preocupado que entrada de venezuelanos dê força ao surto da doença

No último dia 20, o governo de Roraima pediu bloqueio da fronteira com o país venezuelano | Foto: Mauro Pimentel / AFP / CP

No último dia 20, o governo de Roraima pediu bloqueio da fronteira com o país venezuelano | Foto: Mauro Pimentel / AFP / CP

  • Comentários
  • Agência Brasil

Uma Portaria do Ministério da Saúde, publicada nesta sexta-feira no Diário Oficial da União, autoriza o repasse de R$ 102.834 do Fundo Nacional de Saúde para o Fundo Municipal de Saúde de Pararaima, em Roraima, com o objetivo de auxiliar no combate ao surto de sarampo na região. Os recursos serão usados para a implementação de ações de vigilância epidemiológica, laboratorial, imunizações e para educação em saúde.

• RS deve receber 646 venezuelanos a partir de setembro

A preocupação com o surto de sarampo na cidade, em meio à entrada de milhares de venezuelanos no Brasil, foi uma das argumentações apresentadas pelo governo de Roraima, no novo pedido de fechamento da fronteira, encaminhado no último dia 20 ao Supremo Tribunal Federal (STF). O pedido já foi contestado pela Advocacia-Geral da União e, agora, aguarda decisão da Justiça.

No pedido de liminar feito pelo estado ao STF, foi solicitado que a Suprema Corte determine ao governo federal a implementação de barreiras sanitárias a fim de evitar epidemias de sarampo, malária e outras doenças. Também foi pedida a manutenção de hospitais de campanha do Exército e o envio dos venezuelanos a outros estados.