Correio do Povo | Notícias | Mesmo sem equipamento, lançamento de novo Bike Poa é mantido para terça

Porto Alegre

17ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 19 de Novembro de 2018

  • 24/02/2018
  • 13:15
  • Atualização: 13:20

Mesmo sem equipamento, lançamento de novo Bike Poa é mantido para terça

Instalação das 11 estações está prevista para finalizar neste domingo

Nenhum dos pontos informados para o novo bicletário possui os equipamentos | Foto: Guilherme Testa

Nenhum dos pontos informados para o novo bicletário possui os equipamentos | Foto: Guilherme Testa

  • Comentários
  • Henrique Massaro

Na próxima terça-feira, a EPTC e a Tembici devem inaugurar o novo Bike Poa. No sábado, no entanto, véspera da previsão de instalação de todos os 11 bicicletários, nenhum dos pontos informados havia recebido os equipamentos. A previsão é de que nessa segunda-feira as bicicletas que hoje circulam por Porto Alegre através do projeto já estejam desativadas para que a Capital receba 100 novos veículos. 

Na maior parte dos pontos indicados para receber novas estações, não há nem sinal de possíveis instalações. Uma das únicas exceções entre os 11 locais informados é a Orla do Guaíba, onde, em frente à Fundação Iberê Camargo. Ali, é possível ver o espaço onde costumava-se alugar as bicicletas e que foi transferido para próximo do Barra Shopping Sul.

Outro lugar onde há um isolado para as "laranjinhas" é próximo à Brigada Militar da rua Fernando Machado. Segundo moradores, a área costumava ter um Bike Poa que foi desativado. 

A EPTC e a Tembici - empresa responsável pelo Bike Poa - não informaram o cronograma de sábado. Afirmam, no entanto, que a instalação das 11 estações deve estar concluída neste domingo. A inauguração de terça, da mesma forma, a princípio está mantida.

As novas bikes devem poder ser retiradas através do cartão TRI e contar com 730 vagas, superando o antigo, de 500. Depois dessas 11 primeiras estações, a previsão é de que em março sejam instaladas outras 24 e, em abril, mais seis, totalizando 41 estações e 410 bicicletas. No dia 3 de março, todas as "laranjinhas" antigas devem estar fora de circulação. A transição é operacionalizada pelo Itaú Unibanco e Tembici.

Primeiras estações:

Museu Júlio de Castilhos: Rua Duque de Caxias, em frente ao número 1208

Rua Fernando Machado: Rua Fernando Machado, oposto ao número 623 

Duque de Caxias: Rua Duque de Caxias, oposto ao número 593

Serpro: Avenida Augusto de Carvalho, em frente ao número 1133 

UFRGS Administração: Avenida Loureiro da Silva, em frente à Praça General Braga Pinheiro

Caminho dos Antiquários: Rua José do Patrocínio, em frente ao número 9 

Farsul: Rua Sarmento Leite, oposto ao número 763 

Rua Alberto Tôrres: Rua Alberto Tôrres, lateral da Caixa

República: Rua da República, em frente ao número 618

Av. Venâncio Aires: Avenida Venâncio Aires, em frente ao 449

Iberê: Avenida Padre Cacique, oposto ao número 2000