Correio do Povo | Notícias | Com fim da concessão da BR 290, PRF acumula funções sem previsão de reforço do efetivo

Porto Alegre

22ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 23 de Setembro de 2018

  • 04/07/2018
  • 13:16
  • Atualização: 17:22

Com fim da concessão da BR 290, PRF acumula funções sem previsão de reforço do efetivo

Ocorrências que eram atendidas pela Triunfo Concepa passam a ser realizadas por policiais rodoviários

PRF terá aumento de demanda com o fim do contrato do governo federal com a Triunfo Concepa | Foto: Alina Souza / CP Memória

PRF terá aumento de demanda com o fim do contrato do governo federal com a Triunfo Concepa | Foto: Alina Souza / CP Memória

  • Comentários
  • Mauren Xavier e Raphaela Suzin

O fim do contrato de administração da Triunfo Concepa na BR 290 representará aumento de serviços para a Polícia Rodoviária Federal (PRF), porém, sem a previsão de reforço no efetivo. Segundo o coordenador da comunicação social da PRF, Alessandro Castro, as equipes da concessionária eram responsáveis por alguns serviços, que agora ficarão sobre responsabilidade da instituição. O que pode afetar o atendimento.

“A mudança faz com que a PRF tenha mais demandas e essa é a nossa preocupação. Com mais acionamentos, teremos que dividir a estrutura de atendimento de assuntos criminais, com atendimentos a demandas mecânicas, que antes a própria Concepa resolvia sem envolvimento da PRF”, explica Castro.

• Cerca de 400 funcionários serão desligados da Triunfo Concepa

Em casos de acidente na rodovia, por exemplo, o atendimento médico, a remoção do veículo e a sinalização do local eram todos feitos pela Concepa, sendo que a PRF ficava responsável pelo registro da ocorrência. A partir de agora, os agentes rodoviários federais terão que realizar o atendimento do acidente, acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), dependendo do caso, além de fazer a sinalização. “O efetivo será mantido. No verão, será estudado um reforço, em função do aumento no movimento da rodovia”, explicou Castro.

Ele destacou ainda que nos casos de problemas mecânicos, os motoristas podem acionar o telefone 191, para que os agentes auxiliem com informações, por exemplo como telefone de serviços de guincho ou de mecânicos que atuam na região. Mas o custo dos mesmos é particular, sendo arcado pelo condutor. No caso de acidentes apenas com danos materiais, em que não haja feridos e o carro tenha condições de seguir viagem, o registro da ocorrência poderá ser feita posteriormente pelo site da PRF. No caso de um acidente com feridos, a PRF fará o atendimento e acionará o serviço médico.

65 mil atendimentos em um ano

Alguns dados dão a dimensão do aumento do serviço que caberá à PRF. A Triunfo Concepa atendeu entre 1º de julho de 2017 e 30 de junho de 2018, mais de 65 mil ocorrências no trecho concedido. Destas, 37 mil foram atendimentos mecânicos, 3,1 mil foram atendimentos médicos, e 1.590 foram acidentes.

Diariamente eram atendidos em média 102 veículos com problemas mecânicos e, em média, atendimentos médicos a 9 usuários. A média de ocorrências por dia no trecho concedido era de 179. Em 90% dos atendimentos médicos feitos em acidentes no período, as nossas equipes chegaram em até 12 minutos. Em 70% das ocorrências as equipes chegaram em até 11 minutos.