Correio do Povo | Notícias | Bandeira americana de papel é queimada no Parlamento iraniano

Porto Alegre

20ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

  • 09/05/2018
  • 07:52
  • Atualização: 08:23

Bandeira americana de papel é queimada no Parlamento iraniano

Irã condena ação de Donald Trump de abandonar acordo nuclear

Bandeira americana de papel é queimada no Parlamento iraniano  | Foto:  Islamic Consultative Assembly News Agency / AFP

Bandeira americana de papel é queimada no Parlamento iraniano | Foto: Islamic Consultative Assembly News Agency / AFP

  • Comentários
  • AFP

Deputados iranianos queimaram, nesta quarta-feira uma bandeira americana de papel e uma cópia do acordo sobre o programa nuclear na tribuna do Parlamento, aos gritos de "morte aos Estados Unidos", um dia depois de Washington abandonar o pacto. Nas imagens divulgadas em vários veículos de comunicação iranianos, vê-se um deputado que agita uma bandeira de papel dos Estados Unidos e a queima na tribuna da Câmara.

Outro deputado conservador, Mojtaba Zolnur, soma-se a ele e ateia fogo a uma cópia do acordo nuclear. "Queimamos o acordo nuclear", grita. Depois, aos gritos de "morte aos Estados Unidos", dezenas de deputados se juntaram a eles, segundo as imagens divulgadas pela página da televisão estatal. "Vão com cuidado para não queimar o Parlamento", lançou seu presidente, Ali Larijani, de seu posto.

Os dirigentes iranianos condenaram a decisão, nesta terça-feira, do presidente americano Donald Trump de abandonar o acordo nuclear e a imposição de duras sanções americanas que foram suspensas no âmbito desse pacto. O acordo sobre o programa nuclear iraniano foi firmado em julho de 2015 em Viena entre Teerã e o Grupo 5+1 (China, Estados Unidos, França, Reino Unido, Rússia e Alemanha), antes da chegada de Trump à Casa Branca, abertamente hostil ao texto.