Correio do Povo | Notícias | França vai acolher 80 refugiados do "Aquarius"

Porto Alegre

27ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 15 de Novembro de 2018

  • 03/07/2018
  • 09:19
  • Atualização: 09:44

França vai acolher 80 refugiados do "Aquarius"

Migrantes são eritreus e sudaneses e respondem aos critérios do direito de asilo

França vai acolher 80 refugiados do

França vai acolher 80 refugiados do "Aquarius" | Foto: Boris Horvat / AFP / CP

  • Comentários
  • AFP

A França vai acolher cerca de 80 refugiados do "Aquarius", o navio de migrantes recebidos na Espanha, e 52 do "Lifeline", que atracou em Malta, afirmou nesta terça-feira o diretor do Birô de Proteção de Refugiados e Apátridas (Ofpra) francês. Nos dois casos, os refugiados em questão são eritreus e sudaneses e respondem aos critérios do direito de asilo, segundo Brice.

A França foi criticada por não ter se oferecido para receber os dois navios de resgate de migrantes, afirmando que o direito marítimo dita que as embarcações devem se dirigir ao porto seguro mais próximo.

No caso do "Aquarius", que atracou em 17 de junho em Valência com 630 migrantes a bordo depois que a Itália fechou seus portos, das 135 pessoas entrevistadas, 80 poderão se beneficiar da proteção da França. Quanto ao "Lifeline", que atracou em Malta em 27 de junho com 230 migrantes, 52 pessoas receberão a mesma proteção.