Correio do Povo | Notícias | Putin se declara disposto a ir aos Estados Unidos e convida Trump para ir à Rússia

Porto Alegre

21ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sábado, 17 de Novembro de 2018

  • 27/07/2018
  • 11:39
  • Atualização: 11:50

Putin se declara disposto a ir aos Estados Unidos e convida Trump para ir à Rússia

Países se encontram em delicado campo diplomático, após acusações de interferência russa nas eleições

Putin se declara disposto a ir aos Estados Unidos e convida Trump para ir à Rússia  | Foto: Brendan Smialowski / AFP / CP

Putin se declara disposto a ir aos Estados Unidos e convida Trump para ir à Rússia | Foto: Brendan Smialowski / AFP / CP

  • Comentários
  • AFP

O presidente russo Vladimir Putin se declarou disposto a ir a Washington para se reunir com Donald Trump e assegurou ter convidado seu colega americano a Moscou, depois de uma primeira cúpula entre os dois muito criticada nos Estados Unidos. "Estamos dispostos a convidar o presidente Trump a Moscou. Estou disposto a ir a Washington", afirmou Putin em coletiva de imprensa em Johannesburgo, à margem da cúpula dos Brics.

• Putin sugere a Trump cooperação nos setores de petróleo e gás de xisto

Estas reuniões com Trump são úteis, afirmou, elogicando seu colega americano "por sua grande qualidade de tentar cumprir suas promessas junto aos eleitores americanos". Putin e Trump mostraram uma incomum compatibilidade na coletiva de imprensa posterior a uma reunião a portas fechadas em 16 de julho passado em Helsinque, especialmente sobre as acusações de ingerência russa nas eleições presidenciais dos Estados Unidos, negadas por Moscou.

Esta esperada primeira cúpula entre os dois desatou uma série de críticas nos Estados Unidos, onde as declarações de Trump foram consideradas conciliadores demais em relação a Putin