Correio do Povo | Notícias | Donald Trump declara estado de emergência no Havaí por ameaça do furacão Lane

Porto Alegre

21ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

  • 23/08/2018
  • 11:43
  • Atualização: 11:51

Donald Trump declara estado de emergência no Havaí por ameaça do furacão Lane

Fenômeno pode atingir ilha com ventos de até 215 km/h

Donald Trump declara estado de emergência no Havaí por ameaça do furacão Lane | Foto: Kat Wade / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP / CP

Donald Trump declara estado de emergência no Havaí por ameaça do furacão Lane | Foto: Kat Wade / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP / CP

  • Comentários
  • AFP

O presidente americano Donald Trump declarou estado de emergência no Havaí, liberando fundos federais diante da passagem iminente do furacão Lane pelo arquipélago, informou nesta quinta-feira a Casa Branca. As autoridades americanas disseram que Lane havia enfraquecido ligeiramente, tornando-se um furacão de categoria 4, mas ainda constitui uma ameaça com ventos de até 215 km/h, chuva forte e ondas perigosas. A Administração Nacional Oceânica e Atmosférica (NOAA) advertiu que Lane poderia produzir "chuvas excessivas" nas ilhas durante o fim de semana, causando "inundações e deslizamentos perigosos para a vida humana".

A proclamação do estado de emergência proporciona à Agência Federal de Emergência (FEMA) "a ajuda adequada para medidas de emergência", explicou a Casa Branca em um comunicado. Trump pediu aos moradores que se prepararem, enquanto a Marinha afirmou que está movendo alguns de seus navios e submarinos para evitar que sejam pegos no porto quando o furacão chegar.

De acordo com o último boletim do Centro Nacional de Furacões do Pacífico (CPHC), Lane está a 370 quilômetros da costa de Kailua-Kona e 540 quilômetros de Honolulu, capital do estado. Lane deve atingir as principais ilhas havaianas estre esta quinta-feira à tarde e sexta-feira, segundo NOAA.

Os furacões não costumam atingir a terra firme no Havaí, onde a última grande tempestade a atingir o estado foi há quase três décadas, quando o furacão Iniki chegou na ilha de Kauai, deixando seis mortos e causando danos de milhares de dólares.