Correio do Povo | Notícias | Ministério Público cumpre nove mandados de busca e apreensão em São Leopoldo

Porto Alegre

18ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, terça-feira, 17 de Julho de 2018

  • 11/01/2018
  • 16:50
  • Atualização: 16:52

Ministério Público cumpre nove mandados de busca e apreensão em São Leopoldo

Mandados fazem parte de investigação que apura possíveis crimes contra a Administração Pública no âmbito de licitações e contratos do Semae

Mandados fazem parte de investigação que apura possíveis crimes contra a Administração Pública no âmbito de licitações e contratos do Semae | Foto: Stephany Sander / Especial CP

Mandados fazem parte de investigação que apura possíveis crimes contra a Administração Pública no âmbito de licitações e contratos do Semae | Foto: Stephany Sander / Especial CP

  • Comentários
  • Stephany Sander

O Ministério Público, através do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) – Núcleo Região Metropolitana e Taquari, cumpriu na manhã de ontem nove mandados de busca e apreensão em São Leopoldo. Os alvos da ação foram a sede do Serviço Municipal de Água e Esgoto (Semae), sedes de empresas, residências de um empresário, preso em flagrante por posse ilegal de munição de uso restrito, e de um servidor público.

Os mandados foram expedidos em razão de investigação criminal conduzida pelo Ministério Público, que apura possíveis crimes contra a Administração Pública no âmbito de licitações e contratos do Semae que estariam em vigor atualmente. O material apreendido será objeto de análise no âmbito da investigação.

De acordo com o diretor do Semae, Nestor Schwertner, as investigações são referentes a contratos de gestões passadas da autarquia, sendo um deles o contrato de construção das estações de tratamento no bairro Feitoria. As estruturas, que contaram com R$ 12 milhões de investimentos, foram projetadas para tratar 48% do esgoto da cidade, mas atualmente tratam apenas 10%.